Yin Yang Medicina Tradicional Chinesa

links patrocinados

Yin Yang Medicina Tradicional Chinesa

Muitas pessoas acreditam que o Yin Yang é um modelo que apresenta o equilíbrio de tudo na vida. A sua criação está ligada ao mito da criação da terra e humanidade chinesa. Ele pode ser interpretação em diferentes campos da vida, mas um dos mais utilizados faz referencia a aplicação na medicina.

Mito Yin Yang

O Yan Yang apareceu na medicina chinesa pela primeira vez através do “Livro de Imperador Amarelo”. O mito conta que o Yin Yang são os elementos femininos e masculinos da natureza. Assim, ele está ligado a todas as fases da vida humana, desde a sua criação ate a transformações e fonte de vida e morte.

Na medicina, o Yang é o elemento que representa a o céu e a lux, enquanto o Yin é a terra e as trevas. Esses pontos são os principais para fazer o tratamento e a cura de doenças. O diagnostico é feito a partir de desarmonia do fluxo Yin Yang.

Segundo o Livro, as questões do Yin Yang são voltadas a adaptação do ser humano com a nutrição, emoção e o clima. Já na parte clinica, cada parte do corpo humano seria controlado por um dos polos. O livro descreve a seguinte frase: “O que está acima dos rins (região lombar) depende do céu; o que está abaixo da região lombar depende da terra. os 12 vasos principais ((Jing – mai) correspondem assim aos 12 meses (12 ramos terrestres). A lua está em relação com a água. Eis porque está situada em baixo é Yin”

Anatomia Yin Yang Medicina

Para compreender o uso do Yin Yan na medicina tradicional chinesa, é importante compreender a classificação e decisão da anatomia segundo a cultura chinesa. O Yang representa o lado esquerdo do corpo e também o dorso, membros superiores, cabeça e cérebro, órgãos meridiano fu (como intestinos, bexiga, vesícula) e ainda o útero.

Já o Yan é a representação do lado direito e ventral. É o interior do corpo, seus membros inferiores, tronco os órgãos meridianos zang (coração, rins, pulmão, fígado, pâncreas).

Principais doenças

Além da anatomia, o Yin Tang também é usado para fazer a aplicação e observação de sintomas. Assim, o Yin está ligado a todos os processos crônicos, como obesidade, congestão, depressão, timidez, sonolência, flacidez, diminuição da sensibilidade, entre outros. E o Yang é associado aos processos agudos, como inflamações, emagrecimento, febre, espasmos, otimismo, ansiedade, tensão, entre outros.

 

Quiropraxia

Quiropraxia

A Quiropraxia é uma profissão da área da saúde. É uma prática atuante no tratamento de problemas com relação ao sistema músculo-esquelético e no alívio de dores e tensões através da restauração dos movimentos naturais. Essa prática se destaca por fazer parte do grupo de tratamentos que visam minimizar o desconforto das pessoas ao fazerem práticas repetitivas constantemente e que acabam prejudicando a saúde.

Quem procura a Quiropraxia

As principais reclamações dos pacientes que procuram o auxílio da Quiropraxia são dores na coluna vertebral, dores de cabeça, dores e tensão muscular, dores articulares e restrições a movimentação.

Não existe limite de idade para se tornar um praticante da Quiropraxia, pois ela pode ser empregada desde o recém-nascido até o adulto da terceira idade. A única diferença é a maneira como a atividade vai ser conduzida, pois precisa respeitar as individualidades de cada faixa etária.

Tratamento com Quiropraxia

O tratamento através deste método é composto por três etapas integradas, após entrevista e exame clínico. São as etapas da Quiropraxia: Terapia Manual (alongamentos, apalpação, correção e ajustamento de articulações e músculos) e Métodos Físicos (compressas, ultra-som e eletroterapia); Exercício para reabilitação (atividades e alongamentos sob orientação); Orientação (instruções sobre postura e atividades adequadas a cada paciente) .

Quiropraxia no Brasil

No Brasil a prática da Quiropraxia vem desde meados do século XX, sendo que em 1992 foi fundada a Associação Brasileira de Quiropraxia, a única no Brasil credenciada pela Federação Mundial de Quiropraxia, reconhecida pela OMS. Lembre-se: ao constatar qualquer problema de saúde, procure imediatamente um médico e nunca se automedique.

No Brasil já existe o curso de nível superior para formar profissionais capacitados na prática da Quiropraxia. A duração do curso pode ser de quatro a seis anos, conforme a maioria do tempo que leva para concluir qualquer outro tipo de formação mais aprofundada.

Vale destacar que cada pessoa precisa prestar atenção na maneira como se porta ao longo do dia. Manter a postura errada, sentar da maneira que parece ser mais confortável, entre outros hábitos, influenciam para que o problema continue, independente do tratamento que for feito. O cuidado também precisa partir de quem sente o problema.

Pesquisar
Artigos Relacionados