Tratamento Rinite

links patrocinados

Tratamento Rinite

Tratamento Rinite

A rinite é um dos “pesadelos” mais comuns entre os brasileiros. Acomete quatro entre dez pessoas e se caracteriza pela irritação ou inflamação da mucosa nasal, muitas vezes de origem alérgica, ou ocasionados por vírus e bactérias. O tratamento da rinite ainda está baseado na prevenção, mas alguns outros cuidados são necessários na diminuição da doença.

O que é rinite

Tratamento Rinite Alergica

O nariz humano é um verdadeiro sistema de defesas de doenças que chegam ao corpo por vias respiratórias. O ar quando inspirado é limpo, umidificado e aquecido antes de chegar aos pulmões. A coriza, os espirros e muco são algumas formas com que o organismo se desfaz de certas substâncias que tentam entrar através do ar que respiramos. A alergia neste caso acontece quando a pessoa, por disposição genética ou apresenta uma grande reação a certas substâncias, que numa pessoa normal (sem alergia) não aconteceria. O ácaro é considerado o principal causador de alergias respiratórias, como a rinite.

Já a rinite não alérgica é aquela que corresponde a uma inflamação das vias nasais sem a existência de reação alérgica. A rinite medicamentosa, por exemplo, é uma inflamação que ocorre pelo uso excessivo de medicamentos usados no nariz sem orientação médica. Já as rinites irritativas e vasomotoras são as mais comuns em grandes cidades, devido à poluição e aos ambientes de trabalho poluídos e estressantes. No tratamento para rinite, há muita diversidade e é melhor averiguar cada caso para escolher o mais eficiente.

Qual o tratamento para rinite

Remedios para Rinite

O tratamento para rinite varia se a doença possui causas alérgicas ou não alérgicas.

No caso das alergias, além da higienização constante, há vacinas antialérgicas e tratamentos para rinite por meio de medicamentos (descongestionantes, anti-histamínicos e corticosteroides são exemplos de medicamentos que tratam os sintomas).

Principais sintomas

Todos os sintomas destes tipos de rinite, alérgicas e não alérgicas, são bem parecidos. É necessário observá-los para indicar o melhor tratamento para rinite:

  • Sucessão de espirros.
  • O nariz escorre e fica obstruído.
  • Coceira e irritação na garganta, nariz, céu da boca, olhos e em outras regiões próximas.
  • Dores de cabeça e nos ossos da face.

Os sintomas podem ser desencadeados pela exposição da pessoa a um local com pó, substâncias tóxicas ou poluentes, fumaça, poluição, umidade, etc. A mudança de temperatura também pode causar ou agravar os sintomas, sendo o tratamento contra a rinite mais urgente.

Cuidados com a rinite

Medicamentos para Rinite

Primeiramente, é necessário que se exclua a possibilidade de rinite, limpando bem a casa e o ambiente de trabalho. O melhor tratamento para a rinite ainda é a prevenção. Tirar o pó antes que acumule, principalmente dos lugares em que a pessoa passa mais tempo (como o quarto, por exemplo) é bastante importante. No início do inverno, recomenda-se que se faça a limpeza de casacos e cobertores que ficaram guardados nos meses anteriores.

Evitar carpetes e tapetes é uma dica para quem tem crises frequentes – há tapetes e materiais hipoalergênicos no mercado. Nos pisos lisos não proliferam os ácaros e são fáceis de limpar. As cortinas devem ser lavadas todos os meses ou sempre que necessário. No caso de crianças, as cortinas precisam ser lavadas todas as semanas. Bichos de pelúcia, por exemplo, acumulam muito pó e o ideal é deixá-los guardados. A retirada do pó com um pano úmido deve ser feita diariamente.

Os produtos de higiene e beleza devem ser selecionados com cuidado – muitas substâncias neles contidas podem causar crises – como certos perfumes, por exemplo. Evitar o contato com animais (no caso de alergia) ou flores (por causa do pólen) é outro cuidado que os alérgicos precisam ter em seu tratamento contra a rinite.

Rinite Tratamentos para diferentes tipos de Rinite

Pesquisar
Artigos Relacionados