Sintomas da Meningite

links patrocinados

Sintomas da Meningite

Sintomas da Meningite

A meningite é uma doença com sintomas parecidos aos da gripe, mas que mata cerca de 10% dos casos. O índice de morte pode chegar a 50% quando a infecção vai para a corrente sanguínea. A doença pode ser explicada, basicamente, pela infecção das membranas conhecidas como meninges, que revestem o encéfalo e a medula espinhal. O desconhecimento da doença pode resultar em graves conseqüências.

Sintomas da Meningite

Geralmente a meningite manifesta-se através de febre alta, dor de cabeça, vômito, rigidez do pescoço, fraqueza, irritação, manchas vermelhas, entre outros. É normal ser confundida com a gripe, mas é muito mais perigosa.

Para fazer o diagnóstico da doença pode ser exigido um exame de sangue. Em outros casos, o paciente talvez tenha que se submeter à punção lombar, procedimento que permite a extração do líquido cefalorraquidiano. A partir dessa substância é possível fazer a análise adequada para chegar a uma conclusão. Em alguns casos a punção não é indicada por existirem outros riscos em decorrência do procedimento.

Portanto, fica fácil perceber o quanto a meningite pode ser perigosa. Assim como qualquer outra doença, o importante é tratar rápido e conceder a devida atenção ao problema, ao invés de ignorar o fato que a pessoa está com alguma coisa fora do normal. Quanto mais demorar o tratamento, maior a chance de o paciente vir a falecer em conseqüência da doença.

Transmissão da Meningite

O contágio é através de pequenas gotas da saliva do doente com as vias respiratórias da pessoa saudável. Isso causa uma inflamação nas meninges, que são membranas que envolvem o encéfalo e a medula espinhal.

Para evitar a meningite, alguns cuidados devem ser tomados, como evitar usar talheres sujos e mal lavados e ficar em ambientes fechados, porque dessa forma não há circulação do ar e isso contribui para a proliferação dos vírus e bactérias que causam a meningite.

Principalmente ao considerar a gravidade que a doença tem quando a pessoa é contaminada, vale reforçar a importância de manter a higiene básica. Muitos problemas de saúde podem ser evitados com a higiene pessoal e manter o local onde se reside em boas condições.

Meningite Sintomas

Meningite Sintomas

Uma das doenças mais perigosas e preocupantes da atualidade é a Meningite, pela sua seriedade e alto índice de fatalidade se não tratada. Ela parece ocorrer em surtos, principalmente em épocas do ano em que o clima é mais seco.

Resumindo, a meningite é a inflamação das membranas eu revestem o encéfalo (cérebro) e a medula espinhal. Essas membranas, todas juntas, são conhecidas como meninges. Ela é considerada uma emergência médica justamente por causa da proximidade com esses órgãos nobres do sistema nervoso central.

Causas

A meningite pode ser causada por vírus, bactérias ou outros micro-organismos, como fungos. Essas são as causas mais comuns, mas a doença também pode ser causada por alguns tipos de droga. Na maioria das vezes esses seres são transmitidos pelo ar, e por isso é altamente recomendável não permanecer em lugares fechados, e também ventilar os ambientes com fluxo de pessoas, para evitar a contaminação durante os surtos.

Sintomas

Entre os sintomas mais comuns da meningite estão a dor de cabeça, rigidez na nuca, com febre alta. Outros sintomas que podem ocorrer são confusão mental, intolerância à luz ou a sons altos, alterações no nível de consciência, vômitos, sonolência e irritabilidade.

Quando há esses sintomas acrescidos de erupções cutâneas, eles podem indicar um tipo particular de meningite: aquelas causadas por uma bactéria do tipo meningococos. É muito importante ficar atento aos sintomas, e à menor desconfiança recomenda-se procurar ajuda médica o mais rápido possível, porque quanto mais tempo demorar para iniciar o tratamento, maiores as chances de a doença ser fatal.

Diagnóstico

O principal exame feito para diagnosticar ou excluir um quadro de meningite é uma punção lombar. Neste exame, uma agulha é inserida no canal medular e é extraído o líquido, que será examinado. O tratamento normalmente é feito com antibióticos ou antivirais, dependendo do tipo de organismo que afetou as meninges.

Prevenção da meningite

Uma das formas mais eficazes de se prevenir a meningite é tomar as vacinas, que normalmente protegem contra um tipo específico de meningite. Elas não são totalmente eficazes porque só protegem contra tipos determinados de bactérias e vírus, por isso é importante sempre cuidar também com outros fatores de risco, como o ar e o contato com outros doentes.

Pesquisar
Artigos Relacionados