Recaptação da Serotonina

Recaptação da Serotonina

Recaptação da Serotonina

Primeiramente achava-se que a serotonina era somente encontrada no sangue das pessoas. A partir de 1948, descobriu-se que a serotonina pode ser encontrada em toda a natureza além, de fazer parte de todo o organismo humano e não somente no sangue. Sabe-se hoje que a serotonina é um neurotransmissor responsável pelo nível de bem estar de uma pessoa. A serotonina é também encontrada na picada de vespas e escorpiões, além de estar presente em algumas frutas como abacaxi, banana e ameixas.

A maioria dos problemas emocionais está relacionada à falta de serotonina no cérebro, sendo responsável pelo sentimento de carência, depressão, irritação, choros constantes e até alguns sentimentos suicidas. Sendo muito associada à emoção a serotonina possui até relações com as disfunções alimentares, podendo uma pessoa com uma parcela baixa de serotonina sentir mais vontade de comer chocolates, doces e carboidratos.

Serotonina e o Humor

Serotonina no organismo

O humor está intimamente ligado a serotonina, mas também foram notadas outras substancias que também se encontram ligadas às emoções humanas: a noradrenalina e a dopamina. Com isso, analisou-se que a depressão não é apenas um estado de tristeza, aliás, não é um estado de tristeza e sim um estado de insuficiência de serotonina no organismo. Entretanto a depressão não é o único transtorno de humor associado a esses neurotransmissores, há ansiedade generalizada, o transtorno obsessivo compulsivo, o mal de Parkinson, a síndrome do pânico e algumas fobias.

Para o tratamento dos transtornos de humor foram criadas algumas drogas que agem diretamente no Sistema Nervoso Central, os conhecidíssimos antidepressivos. Os antidepressivos agem liberando serotonina e noradrenalina no SNC, aumentando a disposição sexual, melhorando o humor, o sono e as atividades diárias. Esses medicamentos são conhecidos por pílulas da alegria, devido ao aumento da alegria e felicidade constante a que são submetidos os usuários destas drogas.

Recaptação da Serotonina

Repor a Serotonina

A recaptação da serotonina nada mais é que sua liberação pelo organismo até dissociá-lo totalmente, quando isso ocorre é necessária uma nova reposição de serotonina no organismo para que este volte a liberá-la novamente. Os antidepressivos agem inibindo este processo para que as doses de serotonina sejam mantidas em grandes quantidades no cérebro, aumentando o sentimento de bem estar de seus usuários.

Além dos distúrbios relacionados ao humor, ao sono, a temperatura corporal e ao bom desempenho das funções do coração, a serotonina está também relacionada à necessidade de doces e chocolates, então se resolveu pesquisar estas substancias e suas interferências no organismo das pessoas sendo constatado que os doces e chocolates aumentam o nível de serotonina no cérebro. Partindo deste pressuposto, foi constatado também que pessoas com níveis baixos de serotonina sentem uma necessidade maior de ingerir doce e carboidratos.

Serotonina no sangue

A alimentação ou má alimentação está sendo relacionada a níveis baixos de serotonina e por isso alguns usuários se utilizam de antidepressivos como emagrecedores, por aumentar a sensação de saciedade e diminuir os níveis de ansiedade que fazem com que a pessoa queira consumir grandes quantidades de doces e carboidratos.

Entretanto, estes resultados só são obtidos com medicamentos como fluoxetina e sibutramina não se sabendo as razões pelas quais os outros medicamentos não fazem com que os usuários percam peso.

Serotonina como recaptar Substancias ligadas a Serotonina

GD Star Rating
loading...
Recaptação da Serotonina, Nota: 4.6 de 5 com 21 votos
Pesquisar
Artigos Relacionados