Gengiva Inflamada

Gengiva Inflamada

Principais informações

Se tem uma coisa que realmente incomoda é estar com a gengiva inflamada, não é mesmo? E, por mais que isso pareça só um simples incômodo, a verdade é que estar com a gengiva inflamada pode ser o início de uma doença chamada gengivite.

Sendo assim, a gengivite nada mais é do que a inflamação na região da gengiva. Esse é, na realidade, o estágio mais simples dessa inflamação que, caso não seja tratada, pode acabar gerando complicações muito mais graves.

As causas da gengivite

A gengivite é caracterizada como a primeira fase de uma doença de caráter periodontal, sendo ela uma infecção e inflamação capaz de provocar alterações que começam de maneira leve e vão se alastrando na sustentação dos nossos dentes, assim como dos ligamentos, osso alveolar e gengivas.

Geralmente, a sua causa pode ser o acúmulo de placa na gengiva, assim como falta de higiene bucal – ou falta de orientação para uma higienização realmente completa. A placa, por sua vez, nada mais é do que um material composto por bactérias e com estrutura grudenta, já que é formada por resíduos e mucos deixados por restos de comida. Além de causar a inflamação da gengiva, também é a principal causa para a cárie nos dentes.

Porém, as causas para a inflamação da gengiva podem ser as mais variadas possíveis e, até mesmo, a escovação dos dentes de maneira excessiva faz parte desse quadro. A limpeza descuida com o fio dental e as mudanças de caráter hormonal também podem gerar uma inflamação em nossas gengivas.

Os fatores de risco

Por mais que a inflamação da gengiva seja algo comum e que possa ser desenvolvida no ser humano em qualquer etapa de sua vida, existem alguns fatores de ricos que podem acabar contribuindo para o desenvolvimento desse tipo de inflamação.

Entre eles, podemos destacar: falta de higiene bocal, diabetes, imunidade baixa, fumar ou beber exageradamente, uso de alguns medicamentos específicos, boca seca com frequência, mudanças de caráter hormonais como é o caso da puberdade, gravidez e uso de pílulas anticoncepcionais, uso de algumas substâncias de forma excessiva, aparelhos bucais mal limpos ou encaixados, desnutrição, infecções tanto fúngicas como virais e outras. Além disso, a chegada à terceira idade também pode fazer com que a inflamação de garganta seja mais comum.

Os principais sintomas

Os sintomas para a garganta inflamada também podem ser bem significativos, portanto, é fácil identificar quando estamos com esse problema.

Geralmente, a nossa gengiva fica com uma cor avermelhada acima do normal, ou em casos mais agravantes, pode até mesmo ganhar um aspecto arroxeado. Além disso, a gengiva se torna mais sensível, principalmente durante o momento da escovação. Ela fica inchada e também pode sangrar com certa facilidade, como quando passamos o fio dental, por exemplo. Mesmo assim, elas realmente só irão incomodar quando forem tocadas e, caso contrário, não doerão.

Dessa forma, em casos de gengivite, a gengiva do paciente não irá doer, motivo pelo qual uma pessoa pode ter esse problema sem se quer notá-lo.

Entre os sintomas mais típicos desse tipo de inflamação, podemos destacar que as gengivas se afastam/separam um pouco dos nossos dentes e, dessa forma, a própria forma como os dentes se encaixam na mordida também é alterada.

Além disso, os dentes acabam parecendo ainda mais longos, já que a gengiva passa por um processo de retração. Por fim, o gosto ruim na boca pode ser constante, assim como o próprio mau hálito.

GD Star Rating
a WordPress rating system
Gengiva Inflamada, Nota: 5.0 de 5 com 10 votos
Pesquisar
Artigos Relacionados