Carboxiterapia

links patrocinados

Carboxiterapia

Carboxiterapia

Sobre a Carboxiterapia

Terapias para deixar o corpo mais bonito e saudável estão sendo utilizadas por mulheres e homens de todo o país. A busca do corpo perfeito sempre continua e é por isso que novas técnicas são criadas. Um procedimento que está em alta é a caboxiterapia.

A carboxiterapia é um método subcutâneo usado com gás carbônico. O processo é feito por médicos especializados, que injetam o gás carbônico na parte logo abaixo da superfície da pele. O gás é inserido através de uma agulha fina.

Objetivos da Carboxiterapia

O método, super avançado, tem o objetivo de aumentar a circulação sanguínea (melhorando o fluxo), oxigenar os tecidos, evitar a celulite, a gordura localizada e a flacidez da pele. Outros benefícios que vem junto com o procedimento é o estímulo do colágeno (que deixa a pele mais firme) e de fibras elásticas. Por isso, o tratamento também é indicado para melhorar o aspecto de olheiras, estrias e proporcionar o rejuvenescimento facial e do corpo.

Sessões e Preços da Carboxiterapia

Como todo tipo de tratamento, a carboxiterapia não deve ser feita somente uma vez. Os primeiros sinais de melhora aparecem a partir da quinta sessão; por isso não se pode desanimar!

O indicado é que o paciente passe pelo procedimento 10 ou 20 vezes, sendo uma ou duas vezes por semana. O médico que fará o tratamento é a pessoa indicada para avaliar a necessidade do número de sessões. Cada sessão dura entre 15 e 30 minutos, dependendo do local onde a carboxiterapia está sendo feita.

Por ser um tratamento que requer um médico especializado e deve ter cuidados, a carboxiterapia deve ser feita em centros de estética reconhecidos. O preço por sessão fica entre R$80,00 e R$120,00.

Hidroterapia

Hidroterapia

A hidroterapia é um tratamento que utiliza a água como forma de combater diversas doenças. Há indícios de que ela foi utilizada pela primeira vez na Grécia antiga por Hipócrates (460 – 375 a.C.). Por ser um tratamento que usa recursos naturais como principal fonte, muitos não acreditam no seu potencial. Mas, isso passa a ser a preferência de cada um.

O princípio da hidroterapia é utilizar o contraste causado por banhos com água quente e fria em conjunto com exercícios físicos para melhorar a fisiologia das pessoas. A água fria serve principalmente para excitar a sensibilidade periférica do corpo. A partir do contato com a água fria, acontecem vários reflexos automaticamente.

Por outro lado, a água quente volta a uma tradição secular dos asiáticos, que tomam banho em alta temperatura, pois acreditam na limpeza da pele e no relaxamento muscular. Existe a tradição de ter um Ôfuro em casa, ou seja, uma banheira específica para água em alta temperatura. O contraste da temperatura das duas águas também é condição para a hidroterapia.

Eficiência da Hidroterapia

A hidroterapia se mostra um pouco mais eficiente que outros tipos de terapia convencionais. Ela permite uma maior liberdade de movimento. Com isso, é possível trabalhar uma gama maior de músculos em diferentes direções e ao mesmo tempo.

Hidroterapia – tratamento

Além do ganho físico, a hidroterapia proporciona melhoras no quadro psicológico do paciente. Há uma melhora perceptível na moral e na auto confiança. O tratamento é bem menos doloroso e a carga de exercício pode ser maior.

Por fazer uso quase que essencialmente da água, a hidroterapia é considerada uma estratégia da medicina alternativa no seu contexto. Por conta disso, os mais céticos tendem a não recorrer a essas opções, pois não fazem uso de nenhum método considerado científico ou embasado em explicações fundamentadas.

Apesar de existir a explicação sobre a incidência da água sob a pele do paciente e o que isso acarreta no organismo e nas suas reações, a terapia ainda é alternativa. De qualquer maneira, o ambiente aquático é considerado importante no desenvolvimento físico para diversas práticas além da hidroterapia.

Pesquisar
Artigos Relacionados