Itaú

links patrocinados

Itaú

Itaú

Sobre o Itaú

O Banco Itaú S.A. É um banco brasileiro que está sediado na capital paulista São Paulo. É integrante ativo do grupo Itaú S.A. Há pouco era o maior banco do hemisfério sul depois de ter anunciado a fusão com o Unibanco e assim ultrapassando o Bradesco. Entretanto, perdeu a colocação para a sociedade de economia mista do Banco do Brasil S.A., ficando em segundo lugar na atualidade.

História do Banco Itaú

A história do Banco Itaú começa com Alfredo Egydio de Souza Aranha Setúbal que em 1943 fundou na cidade de São Paulo, o Banco Central de Crédito, o atual Banco Central. Já a primeira agência do Itaú foi fundada no mesmo ano só que na cidade de Itaú de Minas.

Posteriormente, em 1952 o Governo Federal modifica o Banco Central de Crédito para Banco Federal de Crédito. Anos depois passa a usar o termo que é utilizado até hoje, Banco Central, que é responsável pela atividade monetária nacional.

O crescimento anos seguintes foi crucial para o sucesso do Banco. Nas décadas de 60 e 70 houve incorporações, aquisições e fusões. Em 1961 o Banco Paulista de Comércio foi comprado. Logo após acontece a fusão dos bancos União de Crédito e Itaú América, porém só em 1973 que o nome passa a ser Banco Itaú.

No ano seguinte, em 1974, foi criado a Itaúsa, um grupo de investimentos do Itaú, holding que é acionista majoritário do banco e de outras empresas. Nos anos 90, o governo Fernando Henrique Cardoso foi responsável pelo grande crescimento do banco no mercado.

Com a política de privatização do então Presidente da República, o banco Itaú fortaleceu seu mercado adquirindo alguns bancos estatais, como Banco Banerj S.A., Bemge – Banco do Estado de Minas Gerais S.A., o Banestado – Banco do Paraná S.A. e o BEG – Banco do Estado de Goiás S.A.

O BEG que tinha ativos em R$ 1,3 bilhões e 420 mil clientes foi vendido por cerca de R$ 665 milhões. O estado de Goiás estava em grande crescimento por causa da agroindústria, que vinha se desenvolvendo bastante. Esta junção rendeu ao Itaú 149 novas agências, englobando postos de atendimento no estado, onde a instituição não tinha muita presença.

DDA do Banco Itaú

Um dos sérvios que está cada vez mais popular é o Débito Direito Autorizado, o chamado DAA. Atualmente, ele é utilizado por mais de 129 bancos brasileiros e oferece aos clientes a opção de realizar pagamentos de títulos através da intenert, caixa eletrônico, telefone, entre outros. Quem é cliente do banco Itaú, pode aderir ao sistema.

A principal vantagem é que não é necessário imprimir todas as contas, sendo uma boa alternativa para quem não quer acumular documento. Graças ao uso do DDA, o país deixou de circular mais de 520 milhões de contas impressas, o que é bom para o meio ambiente.

Como usar DDA Itaú

Para fazer uso do serviço de DDA, o cliente Itaú não precisa pagar nada. Basta apenas cadastrar a forma de “sacado eletrônico”. Praticamente todas as contas mensais podem ser pagas dessa forma, como contas de água e luz, mensalidades escolares, entre outros.

Vantagens DDA Itaú

Com o DDA do Itaú, o cliente não precisa ficar aguardando as suas cobranças chegarem para realizar o pagamento. Além disso, não precisa se preocupar se está viajando, uma vez que é possível utilizar o serviço através do computador ou celular fora do país ou do seu estado.

Além disso, permite que a pessoa realize os seus pagamentos de uma forma muito mais ágil, já que não é preciso ir nas unidades bancarias ou casas lotéricas e esperar na fila para ser atendido. O serviço funciona 24 horas dia 7 dias na semana, ou seja, você pode fazer o pagamento quando quiser.

Outro fator é que a pessoa não corre o risco de ter o seu boleto extraviado ou indo parar em endereço errado. Isso confere muito mais segurança ao processo e ao próprio cliente que não precisa se preocupar se o boleto irá chegar a tempo.

Diferente DDA e débito eletrônico

Vale lembrar que o serviço de DDA é diferente do débito automático. Com o débito automático, o usuário precisa apenas cadastrar a cobrança, dessa forma, sempre que entrar ela será paga automaticamente. Já com o DDA, o cliente precisa efetivar o pagamento, ou seja, ele recebe o seu boleto eletrônico e precisa realizar o pagamento. Caso ele não seja feito, o boleto expira e podem ser cobrados juros ou só a emissão de um oco documento.

Pesquisar
Artigos Relacionados