Caixa PIS

Caixa Pis

O Brasil é um país com muita desigualdade social e, principalmente, desigualdade financeira. Para reverter esse quadro o governo busca alternativas para que uma parte da renda arrecadada com os impostos e outros tributos possam ser repassados a um maior número de pessoas, e não ficar apenas restrito nas mãos de alguns.

Vários programas assistencialistas foram criados no governo Lula para combater a miséria e principalmente a fome em nosso país, como foi o caso da Bolsa Família. Outros programas visam atender aos jovens e pessoas mais velhas, para que elas possam cursar o ensino superior e se tornarem profissionais (ProUni e Sisu).

Para os trabalhadores brasileiros um programa bastante importante e que já existem há bastante tempo é o PIS – Programa de Integração Social. Ele tem como objetivo a melhor distribuição de renda entre a população brasileira, e é destinado principalmente aos trabalhadores do setor privado.

Como funciona o PIS

Para que o trabalhador seja inscrito no PIS e, conseqüentemente, esteja vinculado ao programa para receber todos os direitos que ele reserva, é preciso que o empregador faça o cadastramento do trabalhador no Programa. Para isso é preciso imprimir o Documento de Cadastramento do Trabalhador (DCT) no site da Caixa Econômica Federal.

Depois é necessário preencher todos os dados exigidos no formulário, que engloba algumas informações do empregador e a maioria diz respeito ao empregado. Após preenchê-lo é necessário levar o documento até uma agência da Caixa e esperar a emissão do cartão com o numero de inscrição no PIS, que vai ser entregue diretamente na residência do trabalhador, conforme preenchido no DCT.

Com este documento o trabalhador consegue consultar seus benefícios sociais, bem como fazer o saque dos mesmos, como o Segruro-Desemprego e FGTS, por exemplo. O cartão do PIS dá direito ainda de o trabalhador fazer todas as consultas via internet, no site da Caixa.

Para consultar seus benefícios o trabalhador deverá informar o número do PIS e a Senha do Cidadão. Caso ele não tenha esta senha, ela pode ser tirada em qualquer agência da Caixa. Se o trabalhador perder seu cartão do PIS, a segunda via do documento também pode ser emitida a qualquer momento, em qualquer agência, apresentando a Carteira de Trabalho.

Consulta PIS PASEP 2012

Consulta PIS PASEP 2012

Sobre o PIS PASEP 2012

No Brasil, existem tantas taxas e benefícios relacionados ao trabalhador com diversas siglas diferentes que, muitas vezes, nós nem sabemos o que elas significam, a quem beneficiam e como os beneficiários vão obter informações disso.

O PIS PASEP é um exemplo de um programa confuso para muitos. O PIS significa Programa de Integração Social e quem paga por ele são as empresas ou pessoas jurídicas. Ele consiste em uma contribuição social (tributária) que visa criar fundos para o pagamento do seguro-desemprego e abono salarial para pessoas que trabalham e recebem até dois salários mínimos por mês.

Quando o trabalhador se cadastra no programa, ele recebe um número de inscrição que fará com que ele tenha acesso às consultas do valor do benefício e dos saques.

Cadastramento do empregador

A Caixa Econômica Federal disponibiliza virtualmente os formulários de cadastramento para que o empregador inscreva seus funcionários. Dessa maneira, os empresários ganham tempo e ainda conseguem manter atualizadas as informações sobre a empresa. Estando no site da Caixa dentro da opção PIS, é só clicar em “como cadastrar” que será encaminhado para uma tela explicativa.

Consulta

Para fazer a consulta do saldo do PIS, o trabalhador pode ir até uma agência da Caixa ou visitar o site do banco. No site, ele deve clicar na opção serviços online (consulta de pagamento) que estará no lado esquerdo do menu, dentro da opção perguntas frequentes.

Para que a consulta seja feita, o trabalhar necessita estar com o número do PIS em mãos e sua senha do Cartão Cidadão. Essa senha e o cartão podem ser feitos e retirados em qualquer agência da caixa espalhada por todo o território nacional.

Tabelas

O calendário de pagamentos para 2012 ainda não foi divulgado, no site, só está disponível o calendário para pagamentos do Abono Salarial e dos Rendimentos do PIS em vigor referentes aos anos de 2010 e 2011. No entanto, em breve, estará disponível no site da Caixa.

A ordem de recebimento respeita o mês de nascimentos dos beneficiários, assim os nascidos em julho de 2010 recebem entre 11/08/2010 e 30/06/2011. E assim sucessivamente até as pessoas que nasceram em junho, que receberam seus benefícios entre 24/11/2010 e 30/06/2011.

GD Star Rating
loading...
Caixa PIS, Nota: 4.4 de 5 com 12 votos
Pesquisar
Artigos Relacionados