Calendário F1 2010

links patrocinados

Calendário F1 2010

Calendário F1 2010

A temporada da Formula 1 em 2010 foi uma das mais marcantes dos últimos anos. Diversos fatores contribuíram para isso: além de profundas mudanças no regulamento, a temporada apresentou novas equipes e pilotos. O ano de 2010 também representou o início da supremacia do alemão Sebastian Vettel na categoria.

Em um campeonato extremamente disputado, Vettel só conseguiu assegurar o título na última prova da temporada. Outros três pilotos – Lewis Hamilton, Mark Webber e Fernando Alonso – ainda tinham chances matemáticas de vencer o campeonato.

Mudanças no regulamento

A Formula 1 está constantemente alterando seu regulamento entre uma temporada e outra, com o principal objetivo de aumentar a competitividade. É incomum que o mesmo regulamento dure mais de dois anos. Mesmo nesse cenário de tantas mudanças, o ano de 2010 conseguiu se destacar. Na ocasião, o que aconteceu foi uma reformulação profunda nas regras.

 F1 2010

A primeira alteração foi o fim do reabastecimento durante as corridas. Desta forma, os pilotos precisavam realizar os treinos classificatórios com a mesma quantidade de combustível que iniciariam a corrida. As estratégias de largada, com isso, ganharam muita importância.

A temporada de 2010 da Formula 1 também promoveu um aumento no número de carros, que passaram de 20 para 24, com a entrada de duas novas equipes – Hispania Racing Team, da Espanha, e Virgin Racing, do Reino Unido.

Neste sentido, outro destaque foi o retorno da Lotus à Formula 1, após um hiato de dezesseis anos. Por fim, outra mudança fundamental na temporada foi a aplicação de um sistema de pontuação completamente novo.

Como ter um Calendário F1 2010

Ao invés da divisão dos pontos entre os oito primeiros colocados, como acontecia antes, em 2010 os dez primeiros pilotos passaram a pontuar. A primeira posição, que dava 10 pontos na temporada anterior, passou a valer 25 pontos. As colocações inferiores também sofreram ajustes proporcionais.

Calendário

O calendário da Formula 1 em 2010 teve 19 provas. A abertura aconteceu no Bahrein, tendo Fernando Alonso como vencedor.

O espanhol voltaria a vencer uma prova na temporada somente dez provas depois, na Alemanha. O GP de Interlagos, realizado no Brasil, foi o penúltimo da temporada. A prova final aconteceu em Abu Dhabi, com vitória – e título – de Sebastian Vettel.

Calendário F1

Em relação à temporada de 2009, o calendário da Formula 1 em 2010 apresentou duas provas a mais. Sebastian Vettel venceu cinco destes grandes prêmios. O número de vitórias do alemão foi relativamente baixo, o que demonstrou o equilíbrio na temporada.

Vettel venceu apenas 26,3% das provas disputadas. No ano seguinte, Vettel confirmou sua supremacia, conquistando a temporada com quatro corridas de antecedência, em um ano marcado pela superioridade da Red Bull em relação às equipes adversárias.

Outros destaques da temporada de 2010 foram a estreia do brasileiro Bruno Senna, sobrinho de Ayrton Senna; o retorno de Michael Schumacher às pistas, após desistir da aposentadoria; e a multa de 100 mil dólares aplicada contra a Ferrari, no Grande Prêmio da Alemanha, quando a escuderia ordenou que Felipe Massa cedesse a liderança da prova para seu companheiro de equipe, o espanhol Fernando Alonso.

Mudancas no regulamento Pilotos do F1

Pesquisar
Artigos Relacionados