Sistema educacional em outros países

links patrocinados

Sistema educacional em outros países

Confira como funciona o sistema educacional em outros países.

Como é na Austrália e na Nova Zelândia

Sistema educacional em outros países Conheça o sistema educacional em outros países

Austrália: a educação australiana possui uma nota de 0,993 no ranking da ONU – Organização das Nações Unidas, o que a coloca na primeira colocação em todo o planeta no quesito qualidade. Enquanto o Brasil está no 67° lugar, a Austrália possui um governo que acompanha de perto os níveis das escolas, com a possibilidade de fazer as aulas em outro idioma, além do inglês. É uma explicação sobre o sistema educacional em outros países.

Nova Zelândia: para saber um pouco sobre sistema educacional em outros países, a Nova Zelândia é uma nação de primeiro mundo, também com uma nota da ONU que a coloca na primeira colocação do ranking mundial. Suas escolas valorizam os debates entre os estudantes, aulas mais flexíveis, educação de qualidade para crianças antes dos 5 anos e valorização do ensino superior.

Confira o sistema educacional em outros países

Sistema educacional em outros países: Canadá e Portugal

Canadá: no sistema educacional em outros países, o canadense está simplesmente entre os mais bem avaliados em todo o planeta. No caso do Canadá, a educação pública é a grande estrela, com a maior aderência das pessoas por causa de sua qualidade. Há ainda a aceitação de estudantes estrangeiros para compor o corpo discente, sem a presença da interferência religiosa.

Portugal: a estrutura portuguesa de ensino possui a nível superior mais universidades privadas do que pública e o país precisou implantar medidas para um maior acesso ao terceiro grau. No sistema educacional em outros países, Portugal possui um ensino baseado no desempenho pessoal de cada indivíduo.

Saiba mais sobre o sistema educacional em outros países

Sobre a Suíça e Cuba

Suíça: a Suíça é uma nação modelo para vários aspectos, mas a nível educacional está abaixo de Cuba, Grécia e França, por exemplo. Apesar disso, há grande diversidade no sistema educacional em outros países como este, já que cada município tem autonomia para criar sua grade de acordo com a necessidade da região.

Cuba: eleita como uma das melhores educações em todo o mundo, Cuba possui uma política de igualdade na disputa de vagas dentro da universidade, ensino médio e ensino básico. Com a menor taxa de analfabetos da América Latina, a baixa produtividade não impede que a educação seja prioridade no país.

Sistema educacional em outros países - saiba mais

Sistema educacional em outros países: Colômbia e Chile

Colômbia: vizinha do Brasil na América do Sul, a Colômbia não é um exemplo a ser seguido. Na 83° colocação pela ONU, possui uma política de ensino que se estende da manhã até o período da tarde, o que consegue suportar mais crianças ao mesmo tempo. Para saber como é o sistema educacional em outros países, na Colômbia é usado o método vocacional, onde o aluno escolhe qual área quer se aprofundar no secundário.

Chile: outro dos países da América do Sul no sistema educacional em outros países é o Chile, um dos mais bem avaliados dentro da região. Na 48° colocação no ranking da ONU, onde os alunos também escolhem onde querem se aprofundar no ensino secundário, na ciência ou humanas.

Pesquisar
Artigos Relacionados