Resultado ENEM 2009

links patrocinados

Resultado ENEM 2009

Resultado ENEM 2009

O ENEM de 2009 se tornou referência histórica por dois motivos: o primeiro deles envolveu a mudança no sistema e formulação da prova (que então foi chamada de Novo ENEM), tendo como principal consequência a unificação do resultado da prova como entrada para as universidades, invalidando as formulações individuais e particulares das instituições. Com isso, a mídia divulgou extensos debates com especialistas, bem como opiniões dos cidadãos comuns e estudantes, falando sobre as formas positivas e negativas que isso teria influência no ensino brasileiro.

Como conclusão, as instituições escolheriam por critérios próprios se considerariam apenas o ENEM como vestibular, se usariam a prova como primeira fase, se desconsiderariam totalmente ou se ela seria usada da mesma forma de antes – como contribuição para a nota final. Até hoje as escolas vem se adaptando, mas os alunos pelo menos já consideram o teste como muito importante, inclusive estudando de forma direcionada os conteúdos que mais caem. Outro ponto explorado por professores e aluno na hora do preparo é o fato das provas do ENEM serem bastante extensas em enunciado, com pegadinhas e interpretação de texto grande. Para o preparo, a indicação é visualizar questões de provas anteriores.

A outra polêmica envolvendo o ENEM do ano de 2009 foi pela fraude ocorrida, a primeira de muitas que vem acontecendo desde então. Naquele ano, a prova foi suspensa pois foi furtada da gráfica que era responsável pela impressão e distribuição. Com isso, a credibilidade das instituições como o Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) ficaram abaladas. A prova que seria aplicada em novembro teve um atraso de um mês, afetando todas as datas de resultados e prazos de instituições no Brasil.

Em conclusão, o então diretor do Inep, o professor Reynaldo Fernandes, foi demitido do cargo. Além disso, a fraude afetou o comparecimento de alunos na prova, que teve uma taxa de desistência extremamente alta, chegando a quarenta por cento.

Informações

Em 2009, o ENEM contou com um número de quatro milhões e meio de inscritos (quinhentos mil a mais do que no ano anterior e cem mil a menos do que no ano seguinte). A disputa na época era para quase quarenta e oito mil vagas em instituições públicas de todo o Brasil. Foram cento e oitenta questões divididas em duas partes de noventa, além da redação. As temáticas envolviam as matérias lecionadas no ensino médio, como Português com as divisões em Gramática, Literatura e Redação, Matemática, Geografia, História, Química, Física, além das opções de Inglês, Espanhol ou Francês como língua estrangeira.

O tema da redação daquele ano envolvia a ética e a política, baseado em uma charge de Millôr Fernandes e mais dois textos jornalísticos. Como de praxe, o ENEM utilizou uma temática muito em voga na mídia do ano em questão, explorando questões opinativas fortes por parte dos estudantes, que devem se posicionar e utilizar argumentos baseados em suas leituras para convencer o leitor. Apesar das falhas sistemáticas, o ENEM ainda parece ser a melhor opção para os estudantes ingressarem na educação de ensino superior.

Fotos

Confira Fotos do Resultado ENEM 2009:

Enem 2009Enem 2009
2009 foi o primeiro ano de aplicação das provas do novo Enem2009 foi o primeiro ano de aplicação das provas do novo Enem
Resultado do Enem 2009Resultado do Enem 2009

Pesquisar
Artigos Relacionados