Prêmio Escola Voluntária 2013

links patrocinados

Prêmio Escola Voluntária 2013

Prêmio Escola Voluntária 2013

A previsão é que em 2013 o Prêmio Escola Voluntária comece a aceitar inscrições em meados de junho que podem ser realizadas pelo correio ou internet. Com as inscrições em mãos, os jurados do Prêmio precisam escolher 10 escolas finalistas. Assim como em 2012, a organização do evento prevê que essas 10 instituições de ensino finalistas sejam divulgadas na Rádio Bandeirantes e na própria página do evento na web.

O Prêmio Escola Voluntária tem como principal objetivo divulgar as instituições de ensino que são responsáveis pela criação e desenvolvimento de projetos sociais voltados para a comunidade mais carente. Além de divulgar, o Prêmio procura incentivar os alunos a realizar mais ações sociais nas escolas brasileiras.

Como ação social os responsáveis pelo prêmio entendem projetos que trabalham em prol da comunidade, seja em muxirões para livrar o local de alguns problemas ou até mesmo um projeto cultural, por exemplo, que não resolve problemas de saneamento básico, mas leva entretenimento para os moradores. Esses projetos sociais só serão válidos sob os critérios do Prêmio Escola Voluntária se contarem com a participação voluntária dos alunos que podem estar cursando o 9º ano do Ensino Fundamental, ou seja, 8ª série e também o Ensino Médio.

Um dos critérios da organização para escolher a escola vencedora do é que a instituição mostre o compromisso que possui com a formação dos seus alunos promovendo conhecimentos além daqueles ensinados nas disciplinas em salas de aulas e que são fundamentais na vida. Além disso, a escola deve mostrar que adota forma educativas de integrar essa formação social com a formação acadêmica. A instituição também tem que oferecer de forma alternativa (já que não consta na grade oficial de formação estudantil brasileira) uma educação civil, ou seja, ensinar aos alunos sobre cidadania. Essas medidas não devem apenas mobilizar estudantes, mas também gerar conhecimentos para todos os membros da escolas, seja, coordenadores, funcionários como merendeiras e vigias, e até mesmo os pais. Com tudo isso o professor acaba por inserir o aluno em uma realidade que não é a dele e com isso promover a compreensão de mundo por parte da criança.

Como e quando fazer as inscrições

As escolas de Ensino Fundamental e Médio, públicas ou privadas, podem concorrer ao Prêmio. Para que a inscrição seja válida a escola precisa: ter o registro no MEC regularizado, ser representadas pela Associação de Pais e Mestres com CNPJ ( no caso das escolas públicas), o projeto deve ser escrito e encaminhando junto com a ficha de inscrição, a escola precisa indicar um representante que pode ou não ser o responsável pelo projeto. A inscrição pode ser feita pela internet ou correio a partir de meados de junho. No caso do envio pelo correio a escola deve enviar para Rua Radiantes, número 13, no Morumbi em SP capital. O CEP é 05614-900, no envelope deve estar escrito: 13º Prêmio Escola Voluntária.

Histórico

A primeira edição do Prêmio Escola Voluntária só permitia a inscrição das instituições de ensino de São Paulo. No primeiro ano do evento, foram 80 inscrições. Na sua 12º edição, o Prêmio recebeu mais de três mil projetos inscritos de 8 estados brasileiros e mais de 20 cidades.
Etapas e Prêmios

O Prêmio Escola Voluntária acontece uma vez por ano e tem seis etapas: primeiro tem as inscrições no final de junho, depois em agosto tem a diavulgação das 10 escolas classificadas para a final, em seguida acontece a “capacitação de radiojornalismo” nas escolas, com isso as reportagens das escolas são publicadas e elas se encontram em São Paulo, em novembro os três primeiros colocados recebem os prêmios. A instituição que vencer em primeiro lugar ganha R$ 15.000,000, a segunda recebe 10.000,000 e a terceira 5.000,000.

Fotos

Confira Fotos do Prêmio Escola Voluntária 2013:

Prêmio Escola Voluntária 2013 Prêmio Escola Voluntária 2013 Prêmio Escola Voluntária 2013 Prêmio Escola Voluntária 2013

Pesquisar
Artigos Relacionados