Islamismo

links patrocinados

Islamismo

Islamismo

O Islamismo é a forma no qual a religião islâmica é mais conhecida. Além disso, muitas pessoas também consideram o Islamismo como a religião muçulmana ou então islã. Essa religião é monoteísta (acreditam em apenas um único Deus) e surgiu na península arábica no século VII.

Assim como Jesus Cristo é o principal profeta da religião católica, Maomé é o principal profeta do Islamismo. O Deus todo poderoso do Islamismo é conhecido como Alá e todos os ensinamentos passados por Alá para Maomé estão contidos no livro sagrado do Islamismo, conhecido como Alcorão.

O tempo no Islamismo é contado desde a criação do homem, ao contrário do Catolicismo, no qual o tempo começa a partir do nascimento de Jesus Cristo. Entre os vários profetas do Islamismo, o primeiro deles é Adão (o primeiro homem na terra) e o último foi Maomé. O Islamismo considera Jesus Cristo como um de seus profetas, mas o principal e mais importante de todos foi mesmo Maomé.

Uma das principais características do Islamismo, e que se difere bastante de outros tipos de religião, é que o islã é considerado também como um modo de vida e perpassa a barreira da religião. O islamismo possui relações com a sociedade, as finanças, o aspecto militar e a política.

Crenças do Islamismo

O Islamismo possui seis crenças básicas que todos os seus adeptos devem seguir: a primeira delas trata da existência de um único Deus todo poderoso, que no caso é Alá; a segunda é na presença dos anjos que foram enviados por Alá para que todo o seu conhecimento fosse transmitido para Maomé; o terceiro é na crença absoluta em todos os Livros Sagrados do Islamismo, Evangelhos, Torá, Salmos e principalmente no Alcorão; o quarto princípio é o da existência de vários profetas durante toda a história do Islamismo, sendo Maomé o último deles; quinto, a crença que existirá o dia do Julgamento Final para todos os adeptos do islã; e, por fim, na predestinação de todos os praticantes, já que Alá possuiu o poder de decidir aquilo que cada um irá fazer.

Além das crenças básicas do Islamismo, existem também cinco preceitos que todos os islâmicos devem seguir, além de pregar para outras pessoas: o Shahada ou Chahada (recitação e aceitação dos credos do Alcorão); o Salah ou Salat (realizar cinco orações diariamente com o corpo voltado para a cidade de Meca); Zakah ou Zakat (dar esmola aos mais necessitados); Siyam ou Saum (fazer jejum até o por do sol no Ramadã, o mês sagrado para os islâmicos); e, por fim, o Haj (peregrinar pelo menos uma vez na vida até a Meca, caso o fiel possua condições financeiras para isso).

Locais Sagrados do Islamismo

A religião islâmica possui três lugares sagrados que todos devem respeitar: o primeiro deles é a Caaba (cubo), localizado na principal mesquita de Meca, a ‘capital’ do Islamismo, no qual os fieis devem peregrinar pelo menos uma vez na vida de acordo com o princípio do Haj; em segundo lugar está a cidade de Medina, na qual Maomé estava preso e fugiu para Meca; e, por fim, a cidade de Jerusalém, local onde Maomé morreu e subiu ao céu.

Fotos

Confira Fotos do Islamismo:

IslamismoIslamismo
O livro sagrado da religião islâmica é o AlcorãoO livro sagrado da religião islâmica é o Alcorão
MecaMeca

Pesquisar
Artigos Relacionados