Guia de Carreiras – Curadoria de arte

links patrocinados

Sobre Guia de Carreiras - Curadoria de arte

Guia de Carreiras – Curadoria de arte

A curadoria de arte exige profissionais críticos, com boa escrita, imaginativos e muito interessados em arte. Embora não haja formação superior específica na área, é comum que os curadores de arte sejam graduados em cursos como filosofia, história, literatura e artes cênicas. São os curadores quem concebem, preparam e montam exposições. Embora o conhecimento sobre artes seja imprescindível, o curador deve, também, saber dialogar com um público que pode não conhecer ou compreender as obras expostas.

Requisitos Curador de Arte

Por isso, é essencial que os curadores estabeleçam relações entre as obras expostas. Segundo Luiz Camillo Osorio, curador do MAM (Museu de Arte Moderna), no Rio de Janeiro, e curador de arte é como um técnico de futebol, que deve saber montar um time com as melhores peças disponíveis.

Osorio é gaduado em economia, mas, após algumas viagens à Europa, desenvolveu sua paixão pelas obras de arte. Na Europa, cursou história da arte e, posteriormente, se especializou no Brasil, além de ter feito mestrado e doutorado em filosofia, mas tendo a arte como temática. Antes de assumir o cargo no MAM, Osorio foi curador independete, além de crítico de arte em jornais.

Requisitos

O curador precisa estar sempre atento ao passado e ao presente. Além de necessitar do conhecimento sobre obras e estilos já consolidados, é muito importante que o curador saiba reconhecer novas tendências, principalmente através do contato direto com artistas. Para isso, embora não seja obrigatório, é muito enriquecedor que os profissionais da área viajem bastante, especialmente para países europeus. Berlim, capital da Alemanha, por exemplo, é o local onde vivem boa parte dos artistas consagrados da contemporaneidade.

Segundo Osorio, é importante que o curador esteja próximo de onde as novas obras estejam sendo criadas. Em 2010, por exemplo, Osorio desenvolveu uma exposição em Berlim sobre o neoconcretismo, movimento artístico brasileiro do século passado.

Quem deseja atuar como curador de arte precisa estar sempre atento a novas exposições, além de realizar cursos, seja no Brasil ou em outros países. Como não há formação superior específica para esta profissão, diversos profissionais ingressam neste ramo após apresentar projetos próprios a locais de arte, como museus, espaços culturais diversos e locais públicos. Um bom caminho para ingressar no setor é, também, realizando estágios em museus.

Remuneração

A remuneração de um curador é bastante variável. Como muitos deles não recebem salários fixos, ganhando por projeto realizado, a remuneração dependerá de vários fatores, como o tamanho e a duração dos projetos realizados. Osorio afirma que projetos independentes, que exigem cerca de três meses de trabalho, podem custar até R$5 mil, dependendo do curador contratado.

Para quem ainda não fez um curso superior e deseja se tornar curador de arte, o caminho mais adequado é realizar uma graduação em alguma das áreas mencionadas, como filosofia, história, literatura ou cursos de comunicação social. Posteriormente, é possível realizar especializações. A PUC possui pós-graduação em curadoria de arte, em São Paulo. Também é possível ingressar neste ofício com cursos de história da arte, mais numerosos no país.

Fotos

Confira Fotos sobre Guia de Carreiras – Curadoria de arte:

Profissão Curador de arte Mercado de Trabalho Curadoria de arte Área de atuação Curadoria de arte Curadoria de arte Guia de Carreiras

Pesquisar
Artigos Relacionados