Bireme Artigos Científicos

links patrocinados

Bireme Artigos Científicos

Bireme Artigos Científicos

Bireme Artigos Científicos

A Bireme Artigos Científicos é um centro de difusão de conhecimentos científicos sobre saúde que promove o acesso e a democratização da informação

A Bireme é a sigla que designa o Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde, ligado a Organização Pan-americana da Saúde (OPAS) e a Organização Mundial da Saúde (OMS). A finalidade da Bireme é atuar na cooperação técnica no que diz respeito à comunicação e informação de cunho científico no campo da saúde na região das Américas.

Localizado em São Paulo, o centro foi criado em 1967 com o objetivo de promover o desenvolvimento de ferramentas e habilidades de abrangência nacional e local que permitissem a administração, organização, preservação, compartilhamento e acesso aos conhecimentos e informações científicas na área da saúde. A democratização da informação é fundamental para a inclusão social e o progresso do campo da saúde.

A Bireme tem como missão contribuir para o ensino, o estudo e a atenção à saúde nos países em que atua de modo a suprir as necessidades relacionadas ao conhecimento científico dos profissionais de saúde. A cooperação da Bireme com outras instituições resultou na evolução dos sistemas de gestão dos dados científicos e sua comunicação. Este progresso pode ser dividido em quatro etapas principais.

Primeira fase – de 1967 até meados da década de 70

No início, a Bireme atuava como uma Biblioteca Regional de Medicina, com o desenvolvimento de profissionais para trabalhar em bibliotecas e centros de documentação, criação de coleções, pesquisas bibliográficas em bases de dados, serviços de atendimento aos usuários e fotocópias.

Segunda fase – final da década de 60 até o final dos anos 80

A abrangência temática aumentou e a Bireme passou a dominar todas as ciências da saúde. Além de fazer a indexação de materiais publicados em periódicos científicos de saúde da América Latina e Caribe, a Bireme fez o lançamento do Index Medicus Latino-Americano (IMLA), que permitiu a indexação de 150 revistas. Este progresso foi essencial para que a Bireme se transformasse em um centro de informação e adotasse, em 1982, o nome Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde. Nesta mesma época, o IMLA evoluiu para a denominada base de dados Literatura Latino-Americana e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (LILACS).

Terceira fase – final da década de 80 até meados dos anos 90

Os serviços realizados pela Bireme foram descentralizados e foram criadas instituições coordenadoras nacionais em cada país. Esta manobra possibilitou o progresso das infraestruturas e dos recursos humanos nacionais. Neste período também foi dado início ao uso de computadores nas bibliotecas para produção descentralizada na LILACS e para pesquisa bibliográfica em CD-ROM e depois na internet. O LILACS CD-ROM foi lançado no ano de 1988 e é considerado um dos primeiros CD-ROMs de conteúdo científico do mundo.

Quarta fase – final da década de 90 até os dias de hoje

O principal acontecimento desta fase foi a adoção da internet na produção das fontes e no fluxo de comunicação da informação científica. Em 1998, foi lançada a Biblioteca Virtual em Saúde (BVS). A Bireme passou a trabalhar em conjunto com a Agência de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), do Brasil, com o objetivo de criar a Scientific Electronic Library Online – SciELO (Biblioteca Científica Eletrônica em Linha). A SciELO é considerada um modelo no contexto da publicação cooperativa de revistas científicas online e com acesso gratuito.

Fotos

Bireme Artigos CientíficosBireme Artigos Científicos
As produções científicas na área da Saúde podem ser encontradas na BiremeAs produções científicas na área da Saúde podem ser encontradas na Bireme
A Scielo é parceira da BiremeA Scielo é parceira da Bireme

Pesquisar
Artigos Relacionados