Big Bang

links patrocinados

Big Bang

Big Bang

Com certeza todas as pessoas, em algum momento de suas vidas, já se perguntaram como tudo o que nos cerca foi criado e como viemos parar aqui, no Planeta Terra. Tais questionamentos também fizeram parte do dia a dia de diversos teóricos e cientistas, muitos deles extremamente renomados, como Albert Einstein e Stephen Hawking.

E foi para tentar entender como o universo se desenvolveu, passando de um estado denso e muito pequeno para o que é hoje, que um grupo de estudiosos se reuniu e criou a teoria do Big Bang.

Conceitos da teoria do Big Bang

A teoria do Big Bang é baseada na teoria da relatividade, proposta pelo físico Albert Einstein, e também nas pesquisas desenvolvidas pelos astrônomos Milton Humason e Edwin Hubble. Em comum, a teoria e os estudos tem a demonstração de que o universo está sempre em movimento.

Explosao Big Bang

A teoria foi apresentada em 1948, tendo sido desenvolvida pelo cientista George Gamow e pelo astrônomo Georges Lemaitre.

O nome atribuído à teoria foi criado por Fred Hoyle, que desdenhava os pontos apresentados por Gamow e Lemaitre. Podendo ser traduzido como explosão, o termo Big Bang confunde até hoje milhares de pessoas, que acreditam que a teoria descreve uma explosão que garantiu a criação do universo. Na verdade, a teoria apenas explica como o universo se expandiu até se tornar o que é atualmente.

Apesar de bastante difundida e aceita, a Teoria do Big Bang é questionada e criticada por estudiosos, que alegam que ela viola princípios básicos da física.

Quando surgiu o Big Bang

Expansão do universo

Os estudiosos que desenvolveram a teoria do Big Bang acreditam que no começo da expansão do universo, toda a matéria, espaço e energia existentes estavam comprimidos em um local sem volume e com uma infinita densidade. Também neste período o universo podia ser descrito como um lugar denso e com temperaturas bastante altas, impossibilitando o surgimento da matéria existente hoje.

De repente, o universo começou a se expandir de forma muito rápida, se tornando menos denso e com as temperaturas mais amenas. Conforme o tempo passava, a radiação diminuía e a matéria começava a tomar forma. Em pouquíssimo tempo o universo foi criado a partir da combinação de quatro forças principais, entre as quais eletromagnetismo, gravidade, interação nuclear forte e interação nuclear fraca.

Depois do Big Bang

Explosao do Universo

Depois que o chamado Big Bang aconteceu, possibilitando a formação do universo, a temperatura deste espaço caiu consideravelmente e partículas subatômica continuaram o processo de combinação iniciado alguns momentos antes.

O universo continuou o processo de expansão por mais de trezentos mil anos, até que prótons e elétrons começaram a se unir, possibilitando a criação de átomos de hidrogênio.

Somente cerca de trezentos e oitenta mil anos após o Big Bang é que se tornou possível a passagem de luz pelo universo.

Alguns milhões de anos depois, a aglomeração de gases possibilitou a criação de estrelas, que se uniram, formando as galáxias e posteriormente as supernovas. Somente após estes eventos é que o sistema solar se formou.

Depois do Big Bang Teoria do Big Bang

Pesquisar
Artigos Relacionados