Benefício Dataprev

links patrocinados

Benefício Dataprev

Benefício Dataprev

Sobre o Benefício Dataprev

A Previdência Social é um seguro social que funciona através de contribuições por parte dos trabalhadores, para prover a sua própria subsistência em caso de perda da capacidade laborativa.

A Previdência Social é administrada pelo Ministério da Previdência Social. Este Ministério é uma instituição pública criada pelo Governo Federal Brasileiro no dia 1º de maio de 1974, através da lei nº 6.036. O atual Ministro da Previdência Social o advogado, jornalista e político brasileiro, Garibaldi Alves Filho, do PMDB, Partido do Movimento Democrático Brasileiro.

O último orçamento previso no ano de 2008 para o Ministério da Previdência Social foi de 209 bilhões de reais. A Previdência Social funciona através da destinação de uma verba para o trabalhador contribuinte. As causas são diversas, como pela idade avançada, invalidez, doença, desemprego involuntário, morte, maternidade e reclusão.

Instituto Nacional do Seguro Social

O INSS, Instituto Nacional do Seguro Social, é uma autarquia do Governo Federal brasileiro. É ele o responsável pelo recolhimento da contribuição dos trabalhadores. Esse recolhimento desta contribuição tem por finalidade a manutenção do Regime Geral da Previdência Social.

Entre os benefícios que o Instituto Nacional do Seguro Social presta para os contribuintes são a pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente, aposentadoria, entre outros benefícios previstos por lei.

Benefício Dataprev

A empresa que é encarregada pelo processamento de dados da Previdência é a Dataprev. Ela é uma empresa pública do Brasil, fundada no dia 4 de novembro de 1974, com sede na capital da República Federativa do Brasil, no Distrito Federal em Brasília.

Ela contém mais de três mil funcionários espalhados por várias cidades brasileiras. Sua administração central está localizada no Distrito Federal. Ela ainda possui unidades em praticamente todos as outras unidades federativas do país, sendo diferenciadas entre atendimento e regionais.

Ela presta um serviço essencial para o bom funcionamento da Previdência Social, disponibilizando um link através do seu site para que os beneficiários da Previdência Social possam fazer consultas do seu benefício. Para o fazer, é preciso ter em mãos o número do benefício, a data de nascimento do beneficiário e o seu nome completo e CPF.

Dataprev Tempo de Contribuição

Dataprev Tempo de Contribuição

Sobre o Dataprev

O que todo trabalhador espera ao ficar mais velho é que tenha uma boa aposentadoria para pode aproveitar a vida depois de uma longa caminhada de trabalho e contribuição para o governo. Pensar em ter uma aposentadoria que não seja suficiente para pagar os gastos mensais é algo que preocupa a maioria dos trabalhadores, já que o intuito da aposentadoria é que o trabalhador não precise mais exercer atividades remuneradas após a idade mínima exigida para se aposentar.

No Brasil, para se aposentar os trabalhadores precisam prestar serviços formais praticamente durante toda a vida. Os homens só podem se aposentar com idade mínima de 65 anos, e as mulheres com idade mínima de 60 anos. Antigamente, a aposentadoria podia ser pedida também pelo tempo de contribuição.

No entanto, aposentar utilizando o tempo de contribuição de impostos só vale para quem pedir a aposentadoria proporcional. Isso significa que o homem pode se aposentar com 53 anos, desde que tenha 30 anos de contribuição, e a mulher com 48, sendo que 25 anos tenham sido contabilizados no pagamento de impostos.

Contribuição

A contribuição só é válida para quem pretende se aposentar antes. Caso a pessoa queira a aposentadoria integral, ela deve esperar a idade mínima exigida para isso. Quem já está cansado de trabalhar e já contribuiu também através de previdência privada – o que gera maior valor na aposentadoria – pode pedir a aposentadoria proporcional.

Isso significa que a pessoa não vai aposentar com 100% do salário, mas sim com um percentual equivalente. Quem aposenta proporcional tem um adicional de 40% sobre o tempo que faltava em 16 de dezembro de 1998 para completar, no caso das mulheres, 25 anos de contribuição, e no dos homens, 30. (Confira também sobre o dataprev extrato de pagamento)

Consulta à Certidão de Tempo de Contribuição (CTC)

Quem ainda não sabe quanto tempo tem de contribuição pode consultar a Certidão na internet. Na página do Dataprev, do governo federal, está disponível a consulta, totalmente gratuita. Para conseguir ter acesso às informações, a pessoa precisa informar o número do protocolo, que está na Certidão, nome completo, data de nascimento, e CPF.

Após informar todos esses campos, uma nova página será aberta com todas as informações sobre o tempo de contribuição do trabalhador solicitado.

Pesquisar
Artigos Relacionados