Americana 2011

links patrocinados

Americana 2011

Americana 2011

O Americana Futebol Ltda. possui uma história conturbada, cheia de reviravoltas. O time nasceu com o nome de Guaratinguetá Esporte Clube em outubro de 1998, tendo sido fundado na cidade de mesmo nome, no estado de São Paulo. Em outubro de 2010, o dono do clube, Sony Douer, anunciou durante um evento em Americana – região metropolitana de Campinas – que o Guaratinguetá se mudaria para a cidade e passaria a se chamar Americana Futebol Ltda. De acordo com o dirigente do clube, a mudança foi motivada por desentendimentos com a prefeitura de Guaratinguetá e também por conta do não oferecimento de garantias para a permanência do time no local. Apesar de ter sido anunciada em 2010, a mudança oficial de nome e cidade só viria a ocorrer em 2011, porque na época o Guará ainda disputava a série B do campeonato brasileiro.

Mudança para Americana

Com a mudança, as cores do time – o tricolor azul, vermelho e branco – continuaram as mesmas, mas foram escurecidas, para que o azul se parecesse mais com a tonalidade presente na bandeira norte-americana. A garça sobre uma bola de futebol, símbolo do Guaratinguetá, deu lugar a uma águia, em referência aos colonizadores da região, que vieram do sul dos Estados Unidos.

Na nova casa, o estádio Décio Vitta, que a equipe dividia com o time Rio Branco, os jogadores do Americana fizeram uma boa campanha pela série B do Brasileirão, com altos e baixos e até uma crise interna, motivada pela saída do técnico. Apesar dos deslizes a equipe terminou a rodada em oitavo lugar, infelizmente sem garantir uma vaga no grupo de acesso. A equipe também disputou o campeonato paulista, mas desta vez não teve um bom aproveitamento e encerrou a campanha na décima segunda posição.

Guaratinguetá Futebol Ltda

Após cerca de um ano, o recém-criado Americana voltou a se chamar Guaratinguetá e a equipe retornou à sua cidade natal. Os problemas financeiros e a infraestrutura problemática da cidade do vale do Paraíba foram aparentemente esquecidos pelo dirigente do clube, que anunciou o retorno às origens no final de novembro de 2011. Juntamente com o anúncio do retorno veio o de criação de mais dois clubes, sendo um time B e uma equipe sub-20. De acordo com os responsáveis pelo Guará, o estádio Décio Vitta não teria estrutura para receber três times, além do Rio Branco, que também utilizava o local para disputar suas partidas.

Campanha Guaratinguetá

Atualmente o técnico do Guará é Carlos Octávio e a equipe é formada pelos goleiros Dalton e Jaílson, pelos defensores Baggio, Fábio Gaúcho, Leandro Silva, Padovani, Vágner e Vanderson, pelos meias Aloísio, Bruno Formigoni, Daniel, Everton Hora, Fran, Nenê e Pio e pelos atacantes Alemão, Charles, Fabrício Carvalho, João Paulo, Leandrinho, Léo Pimenta, Pedro Henrique, Romão e Thiago Cunha.

Em 2012 o time disputou três partidas pela Copa São Paulo, perdendo dois jogos e vencendo um. Pelo campeonato paulista foram dezoito partidas, com quatro vitórias, três empates e onze derrotas. Já pela Série B do Brasileirão o Guará participou de 33 jogos e saiu vencedor de dez deles. O time empatou em quatro partidas e foi derrotado em dezenove.

Fotos

Confira Fotos sobre Americana 2011: Treinamento Americana 2011 Jogos Americana 2011 2011 - Americana Jogos oficiais Americana 2011

Pesquisar
Artigos Relacionados