Texto descritivo: como fazer

links patrocinados

Confira mais informações e dicas sobre o texto descritivo: como fazer.

Sobre a importância de saber descrever

O texto descritivo faz parte das aulas de Língua Portuguesa ou Redação
É comum que alguns concursos ou vestibulares peçam para os candidatos escreverem esse tipo de texto

Saber mais sobre o texto descritivo: como fazer é algo importante quando se está na fase escolar com as típicas tarefas da aula de Língua Portuguesa, mas também pode se mostrar algo útil em outras situações. Alguns concursos para ganhar bolsas de intercâmbio ou mesmo testes seletivos para empresas podem pedir para o candidato fazer uma descrição sobre si mesmo, por exemplo.

O primeiro passo para se dar bem com o texto descritivo: como fazer é escolher o que vai ser o objeto ou os objetos principais da descrição. Pode ser uma pessoa, um lugar, algo inanimado e até mesmo uma emoção: tudo é passivo de uma descrição, entretanto, algumas coisas podem exigir mais subjetividade para que sejam redações mais ricas.

Elementos presentes no texto descritivo: como fazer

Outra das dicas importantes em relação ao texto descritivo: como fazer é a predominância do substantivo e de seus respectivos adjetivos, que devem aparecer ao longo de toda a criação. Pense nesse tipo de obra como uma fotografia descrita em palavras, na qual o leitor vai poder visualizar tudo aquilo que foi escrito em sua imaginação.

Exemplo: Você observa o pôr-do-sol. De forma objetiva, dá para descrever o mesmo como “Uma linha no horizonte onde o sol, maior estrela de nosso sistema, aparece com seus últimos raios”, mas a mesma também pode ser realizada de forma mais poética no texto descritivo: como fazer, como “Linha no horizonte onde os raios de sol dão os seus últimos suspiros nessa parte da Terra, descansando para voltar glorioso no próximo dia”. Tudo depende de como a redação é pedida.

O ideal é apostar nos adjetivos para enriquecer o texto

O que eu posso colocar no texto

Não confunda o texto descritivo: como fazer com uma simples descrição, já que essa segunda remete a apenas o significado de alguma coisa de forma genérica e não a sua descrição em si, do ponto de vista pessoal do escritor. O uso dos sentidos é o mais adequado para criar textos mais poéticos, imaginando como seria estar ao lado dessa pessoa, objeto ou acontecimento, por exemplo, como são suas cores, cheiros, texturas, etc.

Mais especificamente no caso das pessoas, dá para ir ainda mais além, procurando mostrar aspectos psicológicos e emocionais e não somente físicos. Pode se assemelhar um pouco do que encontramos em perfis e em alguns livros de biografia. Para quem deseja ver o texto descritivo: como fazer na literatura, a dica de leitura são as obras de Machado de Assis.

As obras de Machado de Assis costumam ser bem descritivas

Sobre o Texto descritivo: como fazer

Os detalhes fazem com os passos do texto descritivo: como fazer sejam muito pessoais, dependendo do estilo de escrita de cada pessoa. Às vezes pode se tratar de um estilo mais melancólico, romântico, cômico ou rebuscado, mas nunca se esqueça de ter em mente que tipo de redação está sendo pedida. Caso se trate de algo livre, use a sua imaginação e crie parágrafos prazerosos para se ler.

A imaginação é fundamental na hora de criar um texto descritivo

Pesquisar
Artigos Relacionados