Programa Adobe Reader

links patrocinados

Programa Adobe Reader

Programa Adobe Reader

O Adobe Reader, também conhecido como Acrobat, é um programa disponibilizado pela empresa Adobe Systems responsável pela formatação de textos como se fosse um artigo publicado (e frequentemente é utilizado justamente para apresentar trabalhos acadêmicos em eventos ao redor do mundo). O Reader é o único software da Adobe que é disponibilizado gratuitamente no site da empresa, sendo que a marca também possui programas como o Photoshop (edição de imagens), In Design (criação de arte), Adobe Fireworks (criação de páginas para a web), Premiere Pro e After Effects (ambos responsáveis pela edição e manipulação de vídeo), além de outros como Dreamweaver, Flash e Shockwave.

Com o Reader, é possível distribuir em apenas um arquivo grandes blocos de texto (como é o caso de um livro ou uma coletânea) sem grandes complicações, visto que o tamanho para compartilhamento não é grande (dificilmente ultrapassa os cinco megabytes, a não ser que também tenha imagens). O Reader também tem certas limitações quanto a editar um arquivo, impossibilitando a questão de plágio (em muitos casos dá para proibir a cópia do conteúdo) ou mesmo de edição do que foi publicado e salvo como uma compilação. É possível, entretanto, distribuir livremente e também imprimir.

O Reader está disponível em praticamente todos os sistemas operacionais, como por exemplo Windows, Mac OS X, Linux, Android (móvel), iOS (móvel), Black Berry (móvel) e Windows Phone (móvel). O programa existe desde o ano de 1993, quando ainda estava limitado para os computadores da Apple (Macintosh). Naquela época, haviam pelo menos outras cinco marcas disputando esse mercado com formatos diferenciados, embora raramente alguém ainda se lembre dessas referências além de em uma pesquisa histórica.

Mais informações

Com uma atualização quase que anual, a evolução do Reader foi percebida sempre com entusiasmo, passando de um programa do tipo 1.0 que custava cinqüenta dólares, para um software gratuito, com sistema de busca, acesso a links, possibilidades de plug ins, criação de direitos autorais e marcas d’água nas páginas, capturar páginas inteiras em PDF, entre outras funções. Atualmente, é o formato mais utilizado na hora de enviar arquivos de edição, visualizar grande quantidade de páginas, publicar um livro ou revista, etc. Também é usado para a publicação e visualização de editais na internet, revistas e jornais que disponibilizam seu conteúdo gratuitamente, entre outras situações.

Algumas das línguas disponíveis para compreender melhor as funções do programa são: inglês (original), chinês, português, espanhol, alemão, francês, italiano, coreano, russo, grego, árabe, holandês, dinamarquês, entre outras. Até hoje, o único alerta com relação à segurança dos usuários foi dado a partir de uma das possibilidades de, na hora de criar um PDF, também automaticamente abrir algum outro aplicativo ou página da internet, o que poderia ser usado de forma maliciosa para infectar a máquina daquele que abre o arquivo. Com isso, a Adobe publicou diferentes releases na mídia falando que iria solucionar o problema, mas que muito do risco poderia estar ligado à ingenuidade do usuário, bem como o uso de softwares não totalmente seguros, como é o caso do navegador Internet Explorer, responsável por boa parte das contaminações.

Fotos

Confira Fotos do Programa Adobe Reader:

Programa Adobe ReaderPrograma Adobe Reader
AdobeAdobe
O programa lê arquivos em PDFO programa lê arquivos em PDF

Pesquisar
Artigos Relacionados