Como se preparar para o Exame da OAB

links patrocinados

Como se preparar para o Exame da OAB

Para quem fez uma graduação em Direito, a conquista do diploma é apenas o primeiro passo para o exercício da profissão de advogado. Antes, os bacharéis precisam passar pelo temido Exame da OAB, onde precisam demonstrar que estão capacitados para exercer a profissão. O exame é realizado em duas ou três edições anuais, e muitas vezes aparece na mídia devido aos baixos resultados apresentados. O VIII Exame da Ordem, realizado em 2012, por exemplo, teve uma taxa de aprovação de apenas 11,6% dos candidatos, a menor desde que o exame adotou as diretrizes atuais.

Mesmo se considerarmos a edição que teve o maior número de aprovados, a taxa ainda fica muito aquém do razoável. Em 2011, o terceiro exame do ano apresentou uma taxa de aprovação de 25,59%, a melhor desde que o exame foi unificado, em janeiro de 2010.

Estrutura do Exame da OAB

Como se preparar para o Exame da OAB Saiba Como se preparar para o Exame da OAB

Exame da OAB é feito em duas fases, realizadas em dias diferentes. Na primeira delas, os candidatos têm de responder a uma prova com oitenta questões objetivas, de múltipla escolha. Para se qualificarem à segunda fase, os bacharéis precisam obter, pelo menos, 50% de acertos na fase inicial.

Confira Como se preparar para o Exame da OAB

Segunda fase

A segunda etapa da prova, conhecida também como prático-profissional, consiste na resposta dissertativa a quatro questões, além da apresentação de uma peça profissional. Muitos críticos do Exame da OAB afirmam que a prova exagera nas chamadas “pegadinhas”, ou seja, questões que podem induzir os candidatos a uma resposta incorreta. Portanto, se você pretende fazer a prova em breve, veja algumas dicas sobre como se preparar para o Exame da OAB.

Exame da OAB

A dedicação para o Exame da OAB

A segunda etapa da prova é reconhecidamente mais complicada. Muitos candidatos já aprovados no Exame da OAB defendem que o ensino superior em Direito no país é suficiente para a aprovação na primeira fase, mas é necessário recorrer a materiais complementares na etapa seguinte. É difícil determinar, com precisão, se estas afirmações se confirmam, mas algo é indiscutível: o exame da OAB precisa de muita dedicação. Assim como em qualquer outro concurso público, é extremamente importante que o candidato desenvolva uma rotina adequada de estudos, que esteja de acordo com suas possibilidades. Para aqueles que ainda estão no curso de Direito é possível, por exemplo, dedicar o contra turno para os estudos para o exame da OAB. Ou seja, se você cursa a graduação de manhã, estude à noite, e vice-versa. As atividades universitárias podem ser realizadas no período da tarde, nestes casos.

Estudar em três períodos pode parecer algo absurdo e, de fato, é. Mas lembre-se de que isso precisa ser feito apenas por pouco tempo e, no final das contas, você economizará tempo, não precisando estudar novamente para outro exame.

Como se preparar para o Exame da OAB - saiba mais

Cursinhos para o Exame da OAB

Após a aprovação na primeira etapa, geralmente há um período aproximado de um mês para a realização da fase seguinte. Neste período, matricule-se em um cursinho preparatório e não perca o ritmo. Lembre-se de que você precisa passar pelo exame apenas uma vez.

Pesquisar
Artigos Relacionados