Tesla

links patrocinados

Tesla

Tesla

Nikola Tesla é um inventor de origem sérvia responsável por ter ideias que revolucionaram a tecnologia o modo de vida das pessoas. Nascido em 1856 na cidade de Smijlan, na época pertencente ao Império Austríaco, Tesla desde o início da vida escolar se mostrou muito inteligente, concluindo quatro anos em apenas três.

Na vida acadêmica, cursou engenharia elétrica e sempre se empenhou muito, lendo várias obras. Aparentemente, Tesla tinha uma memória fotográfica e uma doença que ocasionava clarões nos olhos seguidos por alucinações.

Durante estes episódios, o inventor conseguia ter ideias revolucionárias e também imaginar como ficaria um produto já finalizado antes mesmo de colocá-lo no papel, algo que pode ser chamado de pensamento visual.

Ao longo de sua carreira, Tesla passou por diversas empresas importantes da Europa, Budapeste e dos Estados Unidos. O inventor também era poliglota, falando oito línguas ao todo e extremamente perfeccionista.

Quem foi Tesla

Tesla nunca se casou por acreditar que o celibato contribuía para a qualidade de suas pesquisas científicas. Ele tinha aversão à joias, adorava pombos, chegando ao ponto de encomendar sementes especiais só para alimentar as aves do Central Park, em Nova Iorque, e provavelmente sofria de TOC, pois sempre fazia diversas coisas três vezes e jamais se hospedava em um quarto cujo número era múltiplo de três.

Descobertas e invenções

Um dos primeiros empregos de Nikola Tesla foi no Continental Edison Company, o laboratório de Thomas Edison. Durante o tempo em que ficou empregado no local, Edison e Tesla divergiram muito sobre diversas questões. Em determinado momento, Tesla comprovou que a corrente direta inventada por Edison não era muito eficiente e então desenvolveu a corrente alternada.

Descobertas e invencoes

Algum tempo depois, Nikola Tesla desenvolveu o campo magnético rotativo, que está presente nos equipamentos em que a corrente alternada está presente. Na sequência, o inventor chegou à sua obra prima, o sistema polifásico de corrente alternada, que é usado para a iluminação em todo o mundo.

Na época em que trabalhou com Edison, Nikola Tesla registrou mais de trinta patentes nos Estados Unidos relacionadas à corrente alternada. Ao longo dos anos, registrou outras setecentas, inclusive a do sistema básico de rádio, que foi usada posteriormente por Marconi para estabelecer uma comunicação sem fios.

Reconhecimento

Nikola Tesla foi reconhecido inúmeras vezes ao longo de sua trajetória profissional. Em 1894 ele recebeu a medalha Elliot Creesson, concedida pelo Instituto Franklin e no mesmo ano lhe foi concedido o título de honoris causa pelas universidades de Columbia e Yale.

Reconhecimento

Em 1934, Nikola Tesla foi agraciado com o prêmio John Scott, concedido pelo governo da Filadélfia, por conta de sua contribuição para o sistema de energia elétrica.

Em 1975 o inventor passou a fazer parte do National Inventors Hall of Fame e recebeu do governo da Checoslováquia a mais alta ordem do Leão Branco, considerada a maior condecoração tcheca.

Morte

Nikola Tesla morreu em 1943 aos oitenta e seis anos de idade na cidade de Nova Iorque, mais precisamente no quarto de hotel número 3327, sua residência havia dez anos.

O funeral foi realizado em uma catedral da cidade e ao invés de enterrado, Tesla foi cremado. As cinzas foram dispostas em uma esfera de ouro e o objeto permanece até hoje em exposição no museu Tesla.

Morte Invencoes de tesla

Pesquisar
Artigos Relacionados