Supervia

links patrocinados

Supervia

Supervia

Grandes cidades em geral, como Rio de Janeiro e São Paulo, contam com diversas opções de transportes de passageiros, permitindo que as pessoas possam ir de um lugar para o outro.

Além de transportes como ônibus, as cidades também contam com os trens urbanos, que muitas vezes são mais rápidos quando comparados a outros transportes. No Rio de Janeiro, a SuperVia é a empresa responsável por esse tipo de transporte.

A empresa

A SuperVia oferece serviços na operação de trens urbanos na Região Metropolitana do Rio desde 1998, e desde então a empresa trabalha para o desenvolvimento desse sistema de transporte, para oferecer a seus usuários um transporte cada vez melhor. Exemplo disso são os investimentos em infra-estrutura e reformas realizadas até o ano de 2010, que somam cerca de R$ 600 milhões. Nesse mesmo ano, o controle acionário da SuperVia passou a ser da empresa Odebrecht TransPort que tem como principal objetivo a mobilidade urbana.

Tal mudança acontece no momento em que o estado se prepara para receber eventos esportivos de nível mundial como a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016. Todos os dias mais de 540 mil passageiros se deslocam entre os destinos oferecidos pela SuperVia, através de 98 estações de trem e mais cinco estações de teleférico, presentes em 12 municípios do estado do Rio de Janeiro

Estações

Entre as estações em que a SuperVia opera estão a da capital do estado Rio de Janeiro e dos município de Nova Iguaçu, Duque de Caxias, Nilópolis, Guapimirim, Mesquita, Queimados, Paracambi, Belford Roxo, Magé, Japeri e São João de Meriti.

No ano de 2011, passou a realizar o transporte de passageiros através do Teleférico do Alemão, que é o primeiro sistema de transporte coletivo através de cabos em todo o país. O teleférico possui seis estações sendo a de Bonsucesso, Adeus, Baiana, Alemão, Itararé/Alvorada e Palmeiras.

Trajetória

Durante todos esses anos de atuação, a SuperVia vem aumentando seus investimentos e apresentando melhorias. No início das suas operações, ainda em 1998, ela começa a atender 11 municípios da região, já nos anos seguintes entre 1999 e 2000, as melhorias começam a ser mais evidentes como uma oferta maior de horários e de lugares nos veículos, nessa época também é criada a Central de Atendimento ao Cliente e 31 estações são modernizadas. No mesmo ano começa a integração das linhas de trem com as do metrô, aumentando a opção de linhas e garantindo rapidez no trajeto, e passa a contar com a primeira turma de maquinistas mulheres.

Entre 2005 e 2006, a companhia passa a contra com trens com ar-condicionado, sonorização em suas estações e as estações passam a se adaptar para receber o vale transporte eletrônico e também são realizadas melhorias em relação à acessibilidade das estações. Até 2011, muitas outras melhorias e modernizações foram realizadas o que rendeu a SuperVia diversos prêmios, mas além disso, passou também a investir em projetos culturais e educativos.

Serviços

Para garantir a qualidade do serviço e permitir que a população usufrua do meio de transporte com segurança nos mais diversos horários, a SuperVia tem uma programação diferenciada para cada composição sendo: Trens Paradores, que são os que fazem paradas para embarque e desembarque em todas as estações pelas quais passa; Trens Expressos, que circulam em horários específicos não realizando algumas paradas, visando uma chegada rápida ao destino final; além de trens diretos em alguns ramais, que param em determinadas estações.

Fotos

SuperviaSupervia
Linhas dos trensLinhas dos trens
Interior dos trensInterior dos trens

Pesquisar
Artigos Relacionados