Secretaria Segurança Pública

links patrocinados

Secretaria Segurança Pública

Secretaria Segurança Pública

A Segurança Pública é um conceito que envolve todo o sistema de ações que melhorem a qualidade de vida dos cidadãos, relacionando-se principalmente com o sentimento do indivíduo em circular livremente nos espaços do município, sem sofrer qualquer tipo de violência (física, moral, etc.). Mas a segurança pública também envolve as questões de repressão no caso de comprovada a culpa de um criminoso – como o sistema carcerário adequado, com sentenças justas, condições de direitos humanos para os presidiários, etc.

A segurança pública envolve as seguintes questões: vandalismo, violência policial, insegurança social, superpopulação em presídios, condições de estabelecimentos correcionais para crianças e jovens, eficiência e burocracia em investigações criminais, políticas e campanhas efetivas de conscientização, planos específicos para comunidades vulneráveis (favelas, quilombos, regiões indígenas, municípios afastados, áreas rurais, etc.).

Tudo isso envolve as ações e projetos por parte de políticos e representantes públicos, como vereadores, prefeitos, senadores, governadores, funcionários de secretarias públicas (como a específica de segurança), além de promotores públicos, advogados, juízes e afins – a segurança pública está mais relacionada a correção adequada de delitos e dos indivíduos que o cometem do que a grandes penas em instituições com condições inaceitáveis, onde se aprende novos crimes ao invés de diferentes trabalhos, como os manuais, artesanato, aulas técnicas – tudo isso poderia resultar numa especialização e numa vaga no futuro ao se sair do local.

Outras questões

A ordem pública, objetivo principal envolvendo a segurança nacional, necessita de empenho por parte dos três poderes (Legislativo, Judiciário e Executivo), com total transparência e dedicação, para que a consequência seja positiva. A ideia, portanto, é desestruturar o crime – que vai desde o furto, passando pelo roubo, a sonegação de impostos, a corrupção política, até mesmo o tráfico de drogas e armas.

Projetos sociais em geral ajudam uma comunidade a ter maior conscientização sobre a importância de desenvolver a educação (escolas, conhecimento específico, música), a cultura (dança, teatro, artes em geral), o lazer (brincadeiras, eventos sociais, interação entre grupos diferentes), o esporte (futebol, vôlei, basquete, etc.) para que determinada área se desenvolva mais. Com informação – palestras sobre higiene básica, auto exame, sexo e contraceptivos, questões como a AIDS, entre outras – afetam diretamente o progresso de um bairro.

Além disso, reunir os jovens frequentemente para o debate sobre a situação atual de onde moram, suas expectativas sobre o futuro, podem resultar em indivíduos mais críticos, que não irão se envolver no tráfico porque precisam de dinheiro, mas irão preferir se dedicar aos estudos e aos projetos sociais. Com isso, é possível perceber como a questão da segurança pública não significa apenas prender os criminosos, mas também criar ações que façam com que eles pensem em suas atitudes, dando também uma oportunidade para quando saírem da instituição. Uma segunda chance com uma renda própria, resultando na reconstrução da vida, agora longe do crime. Também é preciso que o restante da população compreenda que o ex presidiário já pagou pelo que fez, podendo agora voltar a sociedade e ao invés de ser excluído totalmente dela por um erro que cometeu anos atrás.

Fotos

Secretaria de Segurança PúblicaSecretaria de Segurança Pública
Principal objetivo é manter a segurança nacionalPrincipal objetivo é manter a segurança nacional
A Secretaria de Segurança Pública está presente em todos os estadosA Secretaria de Segurança Pública está presente em todos os estados

Pesquisar
Artigos Relacionados