Piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste

links patrocinados

Piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste

O piso para um professor de qualquer rede de ensino do país é de R$ 1.567, de acordo com o que foi instituído no ano de 2014 pelo Governo Federa, mas nem todos os estados cumprem essa regra. Confira qual é o piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste.

Como anda a remuneração no Alagoas e Bahia

Piso salarial dos professores do Brasil - Nordeste Piso salarial dos professores do Brasil

Alagoas: A capital de Maceió é a primeira que aparece na lista do piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste com uma situação negativa para os seus profissionais. O estado oferece em 2014 uma remuneração de R$ 1.075,28 reais por 40 horas semanais trabalhadas, o que representa 30% a menos do que está previsto na Lei Federal. O pior número do Brasil.

Bahia: a lista do piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste também não começa muito boa para os profissionais que moram na Bahia. Pela mesma jornada de trabalho são oferecidos R$ 1.451 reais, R$ 115 a menos do que deveria ser. É a terceira pior colocação no ranking nacional do piso depois do ajuste do ano de 2014.

Nordeste

Piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste: Ceará, Maranhão e Paraíba

Ceará: o estado do Ceará também apresenta irregularidades quando o assunto é o piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste. Ao invés dos R$ 1.567 reais da lei, o docente que faz uma carga horária de 40 horas recebe R$ 1.470 reais, o que é inferior ao que foi colocado no Brasil.

Maranhão: Maranhão é um dos estados que pagam integralmente pela jornada e aulas extras de seus profissionais da educação. Com o piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste de R$ 1.939,55 reais, é maior do que o estipulado de forma federal.

Paraíba: Um levantamento na capital João Pessoa mostrou que, pelo menos naquela região, o estado está cumprindo a lei do piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste. São R$ 1.728 reais oferecidos pelas 40 horas trabalhadas, sendo a melhor remuneração oferecida na região.

Saiba o Piso salarial dos professores do Brasil - Nordeste

Pernambuco e Piauí

Pernambuco: em um levantamento feito na capital do Pernambuco, a cidade de Recife, os dados mostraram que os docentes são pagos, em média, conforme o piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste. São cerca de R$ 1.214 reais por uma jornada de 30 horas, o que proporcionalmente seria R$ 1.619 reais em uma carga de 40 horas, ou seja, dentro da lei nacional.

Piauí: Piauí também registrou regularidade no pagamento do piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste, sendo exatamente o valor estipulado de forma mínima.

Piso salarial dos professores do Brasil - Nordeste - saiba mais

Piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste: Rio Grande do Norte e Sergipe

Rio Grande do Norte: Natal também oferece a remuneração de forma proporcional, com um piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste de R$ 900,04 reais por 20 horas de trabalho. Isso equivale a mais ou menos R$ 1.800 reais.

Sergipe: os docentes do estado do Sergipe recebem exatamente o que está na lei do piso salarial dos professores do Brasil – Nordeste. Situado entre os estados de Pernambuco e Bahia, os professores do Sergipe ganham no mínimo R$ 1.567 reais pelo exercício do trabalho, com alguns podendo ganhar mais.

Pesquisar
Artigos Relacionados