Peugeot 408

links patrocinados

Peugeot 408

Peugeot 408

Ele ainda é novo no pedaço, mas já deu o muito o que falar para especialistas no assunto. O Peugeot 408 foi trazido ao Brasil em Março de 2011 e as primeiras impressões foram muito boas. De marca francesa, mas com um pé na Argentina, o 408 é um sedã de porte médio bem confortável.

Espaço e conforto

Com 4,69 m de comprimento, 1,81 m de largura, 1,51 m de altura e 2,71 m de entreeixos, o carro é ideal para levar a família inteira. Ninguém vai ficar decepcionado na hora de viajar: O sedã empata apenas na capacidade do porta-malas com o modelo da Chevrolet: 526 litros.

O motor é 2.0 e o preço sugerido para o veículo foi de R$59,500. O design do carro é leve e harmônico. A lanterna traseira dividida em três filetes de luz dá o toque final. O carro é bem espaçoso e tem agradado muito aos consumidores brasileiros.

Percebe-se que a marca tomou um cuidado especial com a tecnologia do produto. Freios ABS, repartição eletrônica de frenagem, ajuda à frenagem de emergência (AFU) e airbags fazem parte do pacote.

Versão completa

É possível adicionar alguns acessórios extra ao veículo. O modelo top vem com tela de navegação de sete polegadas retrátil, faróis bi-xenon direcionais e sensores de auxílio de estacionamento dianteiro. Nada mal, não é mesmo?

As maiores vantagens de um carro da Peugeot geralmente são a suspensão quase perfeita e a durabilidade do veículo. O 408, portanto, não deixou a desejar nesse quesito. Mudanças bem sutis foram feitas em relação aos modelos antigos da marca, como no câmbio, por exemplo.

A marca quer vender 13 mil unidades só neste ano no país. A expectativa, como se observa, é grande. Até o momento, a aceitação foi boa e os consumidores que fizeram o test-drive não ficaram insatisfeitos.

Peugeot 207 2012

Peugeot 207 2012

Um dos carros mais amados e populares no Brasil é o Peugeot 207. Ele é inspirado no seu antecessor, o modelo 206, que se tornou hit nas ruas de todo o país. Para o novo modelo, a marca francesa decidiu fazer algumas inovações no visual e também na segurança e conforto do automóvel.

O Peugeot 207 é considerado um carro mais robusto e seguro que o seu antecessor, já que possui 1250 quilos e 4 metros de comprimento. No Brasil, ele está disponível em duas versões, a Sport e a Classic.

Motorização

Para dar mais potencia aos condutores, o Peugeot 207 está disponível nas versões gasolina 1.6 16v VTI com 95 cavalos de potencia. Ele também está no mercado na versão Flex ¼ com 82 cavalos e Flex 1.6 com 113 cavalos.

O desenho do Peugeot 207 é bastante similar com o Peugeot 206, porem, alguns detalhes caracterizam a versão mais moderna. As lanternas dianteiras estão mais pronunciadas, assim como as dianteiras. O teto continua o mesmo. No interior, o espaço interno foi melhorado para dar mais conforto ao motorista e para os passageiros.

O Peugeot 207 está disponível em várias cores, que varias das sólidas (branco e preto) e também nas metálicas, com prata, preto, vermelho, azul, chumbo, cinza, e outras opções.

Para garantir mais segurança, o Peugeot 207 possui varias novidades. Os resultados no teste Euro NCAP premiaram o modelo com 5 estrelas para choque frontal, 4 estrela na proteção de crianças, 3 estrelas choque lateral.

Nos opcionais, estão disponíveis o ESP, um programa eletrônico de estabilidade, AVS, partição eletrônica de trave, sistema ISOFIX para cadeiras infantis, faróis direcionáveis, sensores de baixa pressão, ajuda de estacionamento e regulador e limitador de velocidade.

O modelo hatch do Peugeot 207 tem preços começando a R$ 37.790 (motor 1.4, com ar condicionado, direção hidráulica, travas e vidros elétricos como itens de série).

Peugeot 306

Muitas pessoas se lembram de carros produzidos no passado e que fizeram história no mundo automobilística, seja pela potência, pelo design, pelo preço ou praticidade.

Um dos carros que despertou muitos curiosos na década de 1990 no Brasil foi o Peugeot 306. Quem nasceu depois dessa década provavelmente não se lembra dele, já que a produção parou em 2002, mas ele foi o carro que introduziu a Peugeot no mercado brasileiro e conquistou muitos compradores.

Motorização

O Peugeot 306 foi lançado no mercado com diversas opções de motorização. Desde o 1.1 com 8 válvulas até o 2.0 com 16 válvulas. Veja a seguir os modelos de motor disponíveis no Peugeot 306, à gasolina ou diesel:

Com Gasolina

? 1.1L 8V 60PS I4
? 1.4L 8V 75PS I4
? 1.6L 8V 90PS I4
? 1.8L 8V 103PS I4
? 2.0L 8V 123PS I4 XSi
? 2.0L 16V 157PS I4 S16
? 2.0L 16V 167PS I4 GTi-6

Com Diesel

? 1.8L 8V 45PS I4
? 1.9L 8V 71PS I4
? 1.9L 8V 90PS Turbo I4
? 1.9L 8V 92PS Turbo I4

Popular, pero no mucho

O Peugeot 306 veio disponível em várias versões: hatch 3 e 5 portas, sedan, break e cabriolet, cada um para atender um tipo específico de público. Para sua potência ele era econômico: fazia uma média de 9 a 11 kim por litro de gasolina na cidade e de 12 até 15 km na estrada.

Apesar da economia e do preço competitivo, ele não era um carro tão acessível à maioria da população: o Peugeot pertencia às mesmas categorias de carros consagrados no mercado como o Ford Escort, o Astra, Renault 19, Renault Mégane e Volkswagen Golf.

Substituição

No ano de 2001, o Peugeot 2001 começou a ser substituído pelo modelo 307 da empresa. Ele ficou bem mais moderno e ganhou lanternas com modelo de losango, e a parte dianteira ficou mais esticada e bonita. Hoje em dia ele vem com vários acessórios interessantes, como sensor de estacionamento, bluetooth e câmbio automático. A produção do 307 dura até hoje.

Pesquisar
Artigos Relacionados