Pai de Alan Kardec critica diretoria do Palmeiras

links patrocinados

Pai de Alan Kardec critica diretoria do PalmeirasNesta segunda-feira, 28 de abril, o presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, anunciou oficialmente a saída de Alan Kardec do Verdão. O dirigente se mostrou rancoroso com o atacante, afirmando que Alan Kardec estava esquecido no Benfica, de Portugal, e foi resgatado pelo Palmeiras. Com isso, Paulo Nobre sugeriu que a saída de Kardec, que agora defenderá o São Paulo, reflete certa ingratidão do atacante.

O pai e empresário do atacante, também chamado Alan Kardec, rebateu as declarações na tarde desta segunda-feira. Para ele, o filho não estava esquecido no Benfica, pois chegou credenciado ao clube. O que aconteceu, na verdade, foi que Alan Kardec não se tornou titular da equipe portuguesa devido à grande concorrência no ataque. Antes de se transferir para o futebol português, Alan Kardec foi vice-artilheiro do Santos, ficando atrás apenas de Neymar.

Negociações

O empresário também se mostrou ressentido com o andamento das negociações com o Palmeiras. Alan Kardec pai foi o responsável por colocar o filho à disposição de outros clubes, após uma série de negociações frustradas com o Verdão. Inicialmente, o atacante pediu R$230 mil de salário ao Verdão, que fez uma contraproposta de R$210 mil. Alan Kardec, então, pediu R$220 mil, mas o Palmeiras respondeu oferecendo R$215 mil.

Pai de Alan Kardec critica diretoria do Palmeiras

O empresário do atacante disse ter se aborrecido com a insistência da diretoria alviverde em retirar apenas R$5 mil da proposta. Por isso, após quase dois meses de negociações, Alan Kardec pai decidiu ir à imprensa e informar que o filho estaria aberto a negociações de outras equipes. A diretoria alviverde também tentou, por diversas vezes, pechinchar o valor de luvas (prêmio por assinatura) do atacante.

Otimismo

A longa e frustrada negociação com o Palmeiras trouxe consequências psicológicas a Alan Kardec e seu pai. No caso do atacante, uma gastrite nervosa chegou a impedir que ele treinasse em algumas ocasiões. O empresário, por sua vez, afirmou ter chorado quando soube que o filho teria que deixar o Palmeiras.

Apesar de todo o desgaste, o empresário se mostra otimista com a nova fase do filho. Após a confirmação da contratação pelo São Paulo, Alan Kardec pai acredita que uma nova fase se iniciará para o atacante. O pai ressaltou que o tricolor paulista é uma equipe tradicional que oferecerá ao atacante todas as condições para continuar sua boa fase.

Contrato

Pai de Alan Kardec critica diretoria do Palmeiras

Os valores do contrato com o São Paulo ainda não foram divulgados. Contudo, no tricolor paulista, é possível que Alan Kardec receba um pouco mais do que aquilo que foi oferecido pelo Palmeiras, pois o São Paulo não costuma fazer os chamados contratos de produtividade, que se tornaram uma prática corriqueira no Verdão.

Após um curto período de férias, Alan Kardec deve retornar à capital paulista nesta quarta-feira, quando realizará exames médicos no São Paulo para, em seguida, assinar contrato. Como sua transferência é considerada uma negociação internacional (o passe de Alan Kardec estava vinculado ao Benfica), o atacante só poderá entrar em campo após a Copa do Mundo.

Pai de Alan Kardec critica diretoria do Palmeiras

Pesquisar
Artigos Relacionados