Mito Caixa de Pandora

links patrocinados

Mito Caixa de Pandora

Mito Caixa de Pandora

Sobre o Mito Caixa de Pandora

A Caixa de Pandora provém da mitologia grega. Ela conta a história da criação da primeira mulher criada por Zeus como punição aos homens pela ousadia do titã Prometeu em roubar dos céus o segredo do fogo.

O Mito

Zeus, o rei de todos os deuses, auxiliou todos os demais também deuses na criação da primeira mulher. Os deuses encarregados do trabalho de criá-la foi Hefesto, que é o deus do fogo, dos metais e da metalurgia, e Atena, a deusa da guerra, da civilização, da sabedoria, da arte, da justiça e da habilidade.

Cada deus deu a mulher uma qualidade, entre elas a graça, beleza, persuasão, inteligência, paciência, meiguice, habilidade de dança e trabalhos manuais. Entretanto, um deus pôs no seu coração a traição e a mentira. Zeus então a destinou para a espécie humana como forma de punição por terem os homens aceitado o fogo divino de Prometeu.

Chegada da mulher na terra e a Caixa de Pandora

Assim, Zeus mandou a mulher como forma de presente para o irmão de Prometeu, o Epimeteu. Mesmo com o aviso do irmão de não receber presentes, Epimeteu esquecera devido a beleza da mulher, recebeu o presente e ainda tomou-a como sua esposa.

Epimeteu além da mulher ganhou dos deuses uma caixa chamada de pandora. Nela, continha todos os males. Epimeteu avisou a sua mulher para que não abrisse a caixa, pois assim os males sairiam da caixa assolando as multidões afora.

Pandora não resistiu devido à sua curiosidade e abriu a caixa saindo de dentro dela tudo que havia todos os males. Ainda continha um item dentro dela que não eram males. Continha esperança. Quando a mulher abriu a caixa e viu o que saia de dentro da caixa, tentou em vão conter a saída dos males. Mas conseguiu conter o item que continha dentro o qual não era mal, a esperança.

Caixa de Pandora Mitologia

Caixa de Pandora Mitologia

As histórias antigas, como as romanas, egípcias e gregas são compostas por centenas de mitos, envolvendo principalmente conflitos entre deuses.

Um mito originário da Grécia é sobre a “caixa de Pandora”. A estória conta que Pandora foi a primeira mulher a ser enviada à Terra e, junto com ela, havia uma caixa que estava carregada de vícios e desgraças para toda a humanidade.

Mito sobre a caixa

Conta a mitologia grega que o criador da terra foi Prometeu, e este tinha a capacidade de prever acontecimentos. Prometeu tinha um irmão, Epimeteu, este só conseguia ver os acontecimentos depois que eles já tinham acontecido.

Na época, Zeus era o maior de todos os deuses, e em um conflito com Prometeu, enraivou-se e decidiu tirar dos homens todo o fogo. E Epimeteu distribuiu entre os seres, como os animais, diversas qualidades, porém, não restou nenhuma para a humanidade.

Como forma de suprir a humanidade, e garantisse condições de vivência a ela, Prometeu roubou o fogo de Zeus e distribuiu entre os homens, o que causou grande fúria de Zeus. Porque com o fogo a sociedade iria poder se aquecer, fazer alimentos, e começar a viver em sociedade e se organizar.

Zeus, ao contrário de Prometeu, não queria o bem da humanidade, e jurou vingar-se de Prometeu. Então pediu para que fizessem a Pandora, que seria responsável por levar mal aos homens.

Pandora

Foi a primeira e mais bela mulher que existiu na Terra. Seu nome, Pandora, significa bem dotada. Ela foi constituída por vários deuses que deram beleza, arte musical, talento manual, sabedoria com a colheita e outras qualidades. Porém, Pandora carregava uma caixa, que deveria ser aberta somente quando chegasse à Terra.

Zeus a enviou para Epimeteu, que recusou o presente, mas Zeus iria fazer mal a Prometeu caso Epimeteu não aceitasse. Então, ele a aceitou.

Pandora, ao abrir esta caixa, permitiu que todas as mazelas e desgraças do mundo que estavam ali trancadas pudessem sair. Doenças físicas, e outras relacionadas ao sentimento, como inveja, cobiça, vícios, entre outros estavam na caixa. Pandora assustou-se com a caixa e decidiu fechá-la imediatamente, porém, antes que pudesse sair de lá a esperança.

Mitologia que perdura até hoje

O mito da caixa de Pandora é conhecido porque é muito utilizado em dois exemplos. O primeiro considera que Epimeteu era imprudente, e não deveria ter aceitado presente de Zeus, mesmo sabendo que Zeus queria fazer mal a humanidade.

E o segundo está relacionado com a esperança. Isto é, todas as pessoas possuem uma caixa de Pandora, em que há características e sentimentos ruins, mas há a necessidade de ir a fundo e perceber que também há qualidades boas.

Pandora ao fechar a caixa impediu que a esperança saísse. O que o mito quer ensinar é que as pessoas não podem fechar-se, acreditando que somente há desgraças nelas, há a necessidade de permitir ir a fundo e descobrir características positivas.

Fotos

Confira Fotos da Caixa de Pandora Mitologia:

Caixa de PandoraCaixa de Pandora
A caixa de Pandora é a mitologia mais famosaA caixa de Pandora é a mitologia mais famosa
A história faz parte da mitologia gregaA história faz parte da mitologia grega

Pesquisar
Artigos Relacionados