Lattes Plataforma

links patrocinados

Lattes Plataforma

Lattes Plataforma

O Lattes é um sistema de dados que armazena os currículos de pesquisadores e instituições de pesquisa, facilitando a consulta e credenciamento. É vinculado ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq, cuja sigla vem de Conselho Nacional de Pesquisa, nome antigo do órgão). Com os perfis digitais, é possível alterar e atualizar dados de acordo com a experiência obtida pelo pesquisador.

Sobre a plataforma

Até o final dos anos 90, era utilizado um sistema impresso, com o envio de currículos e cadastros chegando a um volume de trinta e cinco mil documentos. Entretanto, era impossível colocar um artigo com dois co-autores, por exemplo. Em 99, foi implantado o experimental CV Genos, que viria então a ser o Lattes. Pela comunidade acadêmica, recebeu uma avaliação média de 4,5 – sendo a nota máxima 5.

Em agosto de 1999 é lançada a Plataforma Lattes, havendo parceria entre o CNPq e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) para que os perfis fossem uniformizados e os currículos pudessem ser importados. Com apenas dois anos de funcionamento, o Lattes já contava com cem mil cadastros.

Aos poucos, as instituições começaram a se acostumar com a Plataforma, bem como perceber necessidades que antes não existiam. Surgiram vínculos com outros institutos, como o Scielo, Stela, INFP, entre outros, para publicarem artigos completos na web e divulgar o conhecimento das pesquisas, além de deixar o site da Plataforma aberto e liberado para o uso nos sites das instituições que gostariam de informar sobre a formação do corpo docente.

Em 2001, o CNPq divulgou o seu sistema para outros países da América Latina, propondo uma junção de conteúdo e currículo, surgindo então a internacionalização do Currículo Lattes, o CvLac. As contribuições da Plataforma envolvem: informação adequada e atualizada do profissional, criação de grupos de pesquisa, avaliação do perfil do pesquisador e suas áreas de interesse, resumo das atividades do pesquisador.

CNPq

O CNPq faz parte do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), tendo como objetivo divulgar e incentivar a produção científica no Brasil, levando em consideração a relevância da educação de nível superior. O CNPq também contribui com a pesquisa através de bolsas destinadas aos pesquisadores, baseadas no seu Currículo Lattes, sua produção acadêmica e a justificativa da temática pesquisada.

No caso de bolsistas de graduação nas universidades, é comum que ainda não possuam o Lattes, visto que estão na primeira experiência com o nível superior. Nesse caso, as bolsas são avaliadas a partir dos seus orientadores de projeto, levando em conta sua pontuação (cada tipo de artigo produzido – para congressos, eventos da área, revista científica especializada, etc. – possui um valor diferente) e o número de bolsas destinadas ao projeto. É possível perceber uma quantidade maior de bolsas designadas para alunos de escola pública, desde que participantes do projeto.

O bolsista, no final do ano e de sua colaboração, deve escrever um artigo relatório sobre sua participação no projeto, seu tema de pesquisa e as conclusões a que chegou nesse tempo. Caso não produza esse artigo, por ter assinado contrato, deverá devolver o valor completo da bolsa, além de prejudicar a credibilidade do orientador.

Fotos

Confira Fotos da Lattes Plataforma:

Plataforma LattesPlataforma Lattes
Orgãos de fomento de pesquisaOrgãos de fomento de pesquisa
Sistema de curriculum onlineSistema de curriculum online

Pesquisar
Artigos Relacionados