Fugitivos mais procurados pelo FBI

links patrocinados

Entre os mais perigosos quando falamos de crime internacional, confira quais são os quatro fugitivos mais procurados pelo FBI (Federal Bureau of Investigation) de acordo com as prioridades dessa organização.

Fugitivos mais procurados pelo FBI: 3 – Robert Willian Fisher

Fugitivos mais procurados pelo FBI

Fugitivos mais procurados pelo FBI

Robert Willian Fisher é um dos fugitivos mais procurados pelo FBI, com uma recompensa oferecida de US$ 100 mil dólares para aqueles que oferecem informações que levem à prisão direta do acusado. Ele é procurado por um crime cometido no ano de 2001, onde o mesmo teria assassinado sua esposa e dois filhos sem causas aparentes, além de botar fogo na casa onde viviam.

O crime ocorreu no estado do Arizona, nos Estados Unidos, sendo que nenhuma pista concreta sobre o paradeiro do pescador foi encontrada após o incêndio. Entre os mais procurados do mundo, ele possui hoje 53 anos de idade.

3 – Eduardo Ravelo

Eduardo Ravelo nasceu no México e é o terceiro lugar entre os fugitivos mais procurados pelo FBI, até o presente momento da divulgação da lista. Sobre ele recaem diversas acusações, como lavagem de dinheiro, envolvimento com o tráfico de drogas, associação com uma perigosa gang do México chamada Barrio Azteca.

Além disso, se for preso, Eduardo Ravelo ainda vai ser julgado por contratar um assassino de aluguel. Entre os fugitivos mais procurados pelo FBI, há uma gorda recompensa para aqueles que ajudarem os agentes da organização a chegarem até o mexicano.

Fugitivos mais procurados pelo FBI

2 – Victor Manuel Gerena

Na lista dos fugitivos mais procurados pelo FBI, Victor Manuel Gerena é americano com ascendência de Porto Rico e que também há uma recompensa para quem o encontrar. Ele teria cometido um assalto à mão armada a uma seguradora, sendo que teria levado uma quantia exorbitante de US$ 7 milhões de dólares da empresa.

O crime ocorreu no estado de Connecticut, sendo que o caso se agravou mais por causa da utilização de dois reféns que ele prendeu. Entre os fugitivos mais procurados pelo FBI e também um dos mais rentáveis para os delatores, com cerca de US$ 1 milhão de dólares.

Fugitivos mais procurados pelo FBI

Fugitivos mais procurados pelo FBI: 1 – Willian Bradford Bishop Jr.

Até o presente momento, a primeira colocação entre os fugitivos mais procurados pelo FBI era do ex-diplomata Willian Bradford Bishop Jr, um homem acusado de cometer um terrível crime. Com um martelo, ele teria matado toda a sua família, o que incluía a sua mãe, sua esposa e mais três filhos, todos menores de idade, matando com quesitos de crueldade e depois ateando fogo sobre os corpos.

Fugitivos mais procurados pelo FBI
O fato principal é que crime ocorreu em meados da década de 70, ou seja, a já quase 40 anos, sendo que não se sabe se ele ainda continua vivo. Em 2014, Bishop já teria 77 anos de idade, sendo que os agentes da organização acreditam que o mesmo tenha fugido dos Estados Unidos. Como o mais requisitado entre os fugitivos mais procurados pelo FBI, a recompensa é de US$ 100 mil dólares por pistas que levam a sua captura.

Diferenças entre a CIA, FBI e NSA

A CIA, FBI e NSA são órgãos dos Estados Unidos responsáveis por tratar de problemas relacionados a segurança, utilizando métodos de investigação e espionagem. Principalmente observados em filmes de Hollywood, entretanto, dá para se fazer uma confusão sobre o propósito de cada organização. Para esclarecer as dúvidas, confira quais as diferenças entre a CIA, FBI e NSA.

Vamos falar do FBI: Agência de Investigação

Diferenças entre a CIA, FBI e NSA Conheça as Diferenças entre a CIA, FBI e NSA

FBI – Federal Bureau of Investigation pode ser traduzida para o português como Agência Federal de Investigação, sendo uma organização criada nos Estados Unidos no ano de 1908. Uma das diferenças entre a CIA, FBI e NSA é que a segunda se trata de uma espécie de Polícia Federal, sendo a maior agência policial do mundo.

O que acontece é que o FBI trata de tipos específicos de crimes, como proteção e luta contra o terrorismo, o crime organizado, os assaltos a banco, fraudes no meio eletrônico, a corrupção política, a espionagem e outras categorias. Outra das diferenças entre a CIA, FBI e NSA é que se trata de um órgão governamental com escritórios por todo o país.

CIA, FBI e NSA

Diferenças entre a CIA, FBI e NSA: o que é a CIA

Outra das diferenças entre a CIA, FBI e NSA é que a famosa CIA que vemos nas produções cinematográficas perdeu muito de sua importância com o passar nos anos. Sua fundação é datada de 1947, com o propósito de ser uma estratégia contra o avanço do comunismo no mundo, sendo uma agência mais internacional.

Assim, uma das diferenças entre a CIA, FBI e NSA é que enquanto o FBI atua no território americano, a CIA – Central Intelligence Agency (basicamente pode ser traduzido como Agência Central de Inteligência) tem sua atuação maior no exterior. Eles trabalham com a coleta de depoimentos de fontes humanas, tanto governamentais e políticas, quanto empresariais e militares.

Saiba a Diferenças entre a CIA, FBI e NSA

Sobre a NSA e sua polêmica

Já a NSA – National Security Agency também se trata de outra organização que também se integra na categoria de serviço de inteligência. Fundada no começo da década de 50, uma das mais vibrantes diferenças entre a CIA, FBI e NSA é que esta última se manteve escondida por três décadas até ser descoberta por evidências coletadas pelo jornalista James Bamford.

Ele trata de problemas que possam ameaçar a segurança nacional dos Estados Unidos, mas em 2013, o ex-funcionário Edward Snowden revelou para o mundo que a NSA estava envolvida em um poderoso esquema de espionagem mundial. Assim, outra das diferenças entre a CIA, FBI e NSA é essa grande polêmica. De acordo com as informações, até mesmo a Presidente do Brasil, Dilma Rouseff, estava sendo constantemente monitorada.

Diferenças entre a CIA, FBI e NSA - saiba mais

Diferenças entre a CIA, FBI e NSA: resumo

Apesar das diferenças entre a CIA, FBI e NSA serem um pouco tênues por se tratarem todos de órgãos de segurança, vale lembrar que o FBI se assemelha mais a corpo policial que realiza investigações. Já a CIA e a NSA são do serviço de inteligência dos Estados Unidos. A primeira não pode atuar em território nacional, enquanto a segunda visa a proteção dos cidadãos americanos.

Pesquisar
Artigos Relacionados