Fontes de energia renováveis

links patrocinados

Fontes de Energia Renováveis

Nos últimos anos muito tem se falado em desenvolvimento sustentável e em meios para preservar o planeta, que vem sofrendo por causa das ações do homem. Com a freqüente exploração dos recursos naturais, a Terra já está fadada a, num futuro próximo, parar de fornecer determinados elementos, devido justamente à exploração irracional.

É por isso que cada vez mais os ambientalistas recomendam que façamos algo de diferente pra evitar que essa previsão se torne realidade. Separar o lixo para a coleta seletiva, reciclar o que é possível, diminuir a emissão de gases poluentes e evitar utilizar adereços descartáveis de plástico são medidas que estão em constante visibilidade.

Outra forma de preservar o planeta é mudando as fontes de energia. Ao invés de utilizar aquelas que são finitas, existe a opção de outra forma de produção de energia: a de fontes renováveis. Fontes de energia renováveis são aquelas que são reabastecidas pela própria natureza, ou seja, não são efêmeras.

Da onde provém a energia renovável

Os recursos naturais que servem para produção de energia são: o vento, a chuva, o sol, calor e marés. Através deles, e com um equipamento direcionado para cada recurso, é possível transformar sua atividade em energia. Somente em 2008, 19% de todo o consumo mundial foi de energias provindas de recursos renováveis.

A energia solar provém do Sol; o vento gera a energia eólica; as correntes de água doce e os rios dão origem a energia hidráulica; os oceanos e mares, à energia maremotriz; as ondas também produzem energia, a energia das ondas. Também temos a biomassa e o biocombustível, que são geradas a partir de matérias orgânicas; a energia geotérmica, que é originária da Terra e a energia azul, da água salobra.

As fontes de energia renovável são meios alternativos às tradicionais formas de obtenção de energia, como é o caso dos combustíveis fósseis. Eles demoram milhões de anos para serem produzidos pela natureza, e não são renováveis. Além disso, a energia proveniente de fontes renováveis causa menos impactos ambientais do que as tradicionais.

Em 2008, cerca de 19% do consumo mundial de energia final veio de fontes renováveis, com 13% provenientes da tradicional biomassa, que é usada principalmente para aquecimento, e 3,2% a partir da hidroeletricidade. A percentagem das energia renováveis na geração de eletricidade é de cerca de 18%, com 15% da eletricidade global vindo de hidrelétricas e 3% de novas energias renováveis.

O Brasil tem um dos maiores programas de energia renovável no mundo, envolvendo a produção de álcool combustível a partir da cana de açúcar, e atualmente o etanol representa 18% dos combustíveis automotivos do país.[11] O etanol combustível também é amplamente disponível nos Estados Unidos.

Vantagens e desvantagens

A principal vantagem de utilizar recursos energéticos renováveis é que eles não emitem gases de efeito estufa na atmosfera como acontece com os combustíveis fosseis ou renováveis. Essas energias não representam riscos adicionais, tais como a ameaça nuclear.

Mas, o problema está que alguns sistemas de energias renováveis geram problemas ecológicos particulares. Turbinas eólicas são perigosas para as aves (por causa das hélices) e as barreiras das hidroelétricas criam barreiras à migração de certos peixes, evitando a reprodução dos animais.

A produção de energia elétrica exige também uma permanente fonte de energia confiável (bomba hidráulica para armazenamento, baterias, futuras pilhas de hidrogénio, etc). Assim, devido ao elevado custo do armazenamento de energia, um pequeno sistema autônomo é raramente econômico, exceto em situações isoladas, quando a ligação à rede de energia implica custos mais elevados.

Fontes de energias não-renováveis

As fontes de energias não renováveis ainda são as mais utilizadas no mundo, mas o consumo que fazemos delas é altamente superior a sua produção. Isso significa que consumimos mais do que se produz o que ocasiona a escassez de recursos. Como este tipo de energia demora milhares de anos para serem produzidos pela Terra, o ser humano precisa buscar alternativas para conseguir suprir essa necessidade. Exemplos de energias não-renováveis são os combustíveis fósseis (gás natural, carvão, petróleo).

Pesquisar
Artigos Relacionados