Festa Julina

Festa Julina

Festa Julina

As festas julinas, com o próprio nome diz, são realizadas no mês de julho em várias regiões do país.

Elas têm como base a festa junina, que acontecem um mês antes, e são mais tradicionais. Os moldes das duas festas são extremamente parecidos, desde as tradições e costumes de danças e comidas típicas, até o vestuário característico.

Isso acontece porque esse tipo de festa no meio do ano é bastante tradicional e as comemorações se estendem do mês de junho para o de julho. Já que as festas juninas comemoram o dia de Santo Antônio, São João e São Pedro.

Como a Igreja Católica preferiu intensificar as comemorações no mês de junho, principalmente por causa da comemoração do dia de três santos, a festa junina é mais tradicional e reconhecida, só que a festa julina no que diz respeito à comemoração propriamente dita não deixa nada a desejar.

Com relação ao comércio, as festas julinas aquecem bastante a economia principalmente do norte e nordeste brasileiros, já que esses são os locais mais tradicionais de comemoração. O crescimento econômico no período de festas pode aumentar até 20% em relação a períodos normais do ano. Já a rede hoteleira contrata 30% a mais de funcionários para o mesmo período.

Alimentação na Festa Julina

Nas festas julinas, comida é o que não falta. Os principais pratos típicos consumidos nesse tipo de festa são: maça do amor, pipoca, pamonha, pinhão, vinho quente, cuscuz, pé-de-moleque, quentão, arroz doce, canjica, cocada, entre outros.

Origem da Festa Julina

Muito antes do descobrimento do Brasil, as festas julinas/juninas já eram comemoradas em países europeus na Idade Média. De origem pagã, os europeus comemoravam por volta do dia 24 de junho o solstício de verão, ou seja, o período no qual o dia passava a ter mais horas que a noite. Além disso, essa era a época do início das colheitas das plantações e todos comemoravam.

Entretanto, com o apogeu da igreja católica, os padres passaram a creditar as comemorações do dia 24 de junho como sendo a festa em nome de São João, que é o mesmo dia do santo. A partir daí, com o crescimento da igreja, a festa se espalhou por diversos lugares do mundo.

No Brasil, ela chegou com os portugueses e no início possuía as mesmas características do festejo europeu. Entretanto, após um processo de aculturamento, a festa julina/junina passou a apresentar as características que encontramos hoje em dia.

Roupas e trajes da festa julina

No princípio das festas julinas no Brasil, o alto escalão da burguesia portuguesa utilizava suas melhores roupas nas comemorações. Já a população de mais baixa renda imitava os colonizadores à sua maneira, com trajes de ‘gala’, só que com características populares, tanto para os homens como para as mulheres. Por isso que tradicionalmente a festa julina utiliza-se de trajes caipiras, pois foram eles que popularizaram as comemorações.

Fotos

Confira Fotos da Festa Julina:

Festa julinaFesta julina
Trajes e artesanatos de festa julina/juninaTrajes e artesanatos de festa julina/junina
Festa julina e junina são iguaisFesta julina e junina são iguais

GD Star Rating
loading...
Festa Julina, Nota: 3.6 de 5 com 12 votos
Pesquisar
Artigos Relacionados