Efeito Estufa: Causas e Consequências

links patrocinados

Efeito Estufa: Causas e Consequências

Efeito Estufa: Causas e Consequências

O que é o efeito estufa

O efeito estufa nada mais é do que um processo natural que aprisiona parte do calor que é gerado por meio dos raios solares em direção à Terra. Sendo assim, o seu principal intuito é manter o planeta em uma temperatura adequada para a vida.

Dessa forma, a manutenção da temperatura tem como objetivo chegar a uma média de 15 graus, sendo esse o equilíbrio para manter a sobrevivência das mais variadas espécies na Terra.

Sem o efeito estufa, a Terra poderia ficar muito, mais muito fria. Assim, não seria possível o desenvolvimento de vários animais e vegetais, além da espécie humana.

O efeito estufa procura evitar que o nosso planeta fique mais frio do que deveria ser. Caso não existisse esse efeito natural, a radiação do sol que reflete na terra se perderia e todo o planeta se tornaria muito frio.

Principais causas do efeito estufa

Nos dias de hoje, o efeito estufa já não é controlado como era há alguns anos, sendo o principal motivo para essas mudanças a ação desenfreada e gradativa da industrialização e a própria atividade do homem, que atua na emissão de gases poluentes de diferenciadas formas.

Sendo assim, algumas ações estão fazendo com que o processo do efeito estufa seja totalmente acelerado e, dessa forma, a temperatura da Terra aumente de forma cada vez mais rápida.

Entre as principais causas para o efeito estufa, destacamos a emissão de gases como o dióxido de carbono, que é produzido por meio da queima dos combustíveis fósseis, assim como a emissão do metano, clorofluorcarboneto e o próprio óxido nitroso.

O que aumenta cada vez mais o efeito estufa, é a grande quantidade de gases que são emitidos tanto por meio dos carros, como também pelas próprias fábricas e indústrias, formando uma camada em cada cidade que impede que o calor seja dissipado por inteiro.

Os gases se acumulam na atmosfera e formam uma camada. Essa camada, por sua vez, faz com que todo o excesso de raios seja refletido ao espaço como uma radiação infravermelha. Atuando como uma verdade estufa (motivo pelo qual o processo natural ganha esse nome), a camada de gases é capaz de reter todo o calor presente nessa determinada atmosfera, aumentando a temperatura da Terra.

As consequências do efeito estufa

Com a temperatura no nosso planeta aumentando de forma cada vez mais expressiva, muitas são as consequências que poderemos sentir com o passar dos anos. Uma das mais agravantes, certamente é a perda de algumas espécies da flora e fauna, que não conseguem mais manter o seu desenvolvimento por conta do calor excessivo.

Outro problema do efeito estufa é o derretimento das calotas polares, que reservam a maior quantidade de água doce de todo o mundo. Assim, o nível do mar promete aumentar e com isso, várias regiões litorâneas, assim como algumas ilhas, prometem desaparecer de vez do mapa.

Desastres naturais como é o caso dos tufões, furacões, enchentes, maremotos e outros também prometem ocorrem, e isso pode afetar o andamento das produções agrícolas, dificultando, também, o fornecimento de alimentos para a população em questão.

Algumas possíveis soluções

No ano de 1997 o Protocolo de Kyoto foi criado e, com isso, grandes nações concordaram em diminuir a emissão dos gases causadores do efeito estufa. Austrália e Estados Unidos não entraram no acordo.

Por outro lado, todos podemos fazer a nossa parte com ações sustentáveis, como com a utilização de sacolas ecológicas, uso de transporte coletivo, aderência aos combustíveis alternativos e assim por diante.

Pesquisar
Artigos Relacionados