Diferenças entre o inglês britânico e americano

links patrocinados

Diferenças entre o inglês britânico e americano

Não é somente quem fala na língua inglesa que conseguiria notar que ingleses e americanos possuem pronuncias diferentes em relação à fala. Possuindo peculiaridades também quanto à escrita de algumas palavras, confira quais são as principais Diferenças entre o inglês britânico e americano e que podem ser mais facilmente percebidas.

O inglês não é como o português

Diferenças entre o inglês britânico e americano Conheça a Diferenças entre o inglês britânico e americano

Muitas pessoas costumam fazer breves comparações com as diferenças entre o inglês britânico e americano com o que acontece com o português do Brasil e o português de Portugal. Entretanto, o que ocorreu com o nosso idioma é muito mais complexo do que ocorreu com o inglês, que possui contrastes bem menores em relação ao desenvolvimento linguístico.

Da mesma forma com que o Brasil foi colonizado por Portugal, o Estados Unidos também passaram pelas mãos colonizadoras da Inglaterra, mas a maioria das palavras da língua permanece até hoje com a grafia e pronuncia muito parecida. Entretanto, mesmo que peculiares, sempre existem as diferenças entre o inglês britânico e americano.

Saiba a Diferenças entre o inglês britânico e americano

Diferenças entre o inglês britânico e americano: vocabulário

Apesar de serem idiomas muito parecidas, uma das grandes diferenças entre o inglês britânico e americano está dentro de seu vocabulário. Muitas palavras são escritas de forma totalmente diferente, a palavra “doce”, por exemplo, é “candy”, no inglês americano, mas se pronuncia e se escreve como “sweet” na Inglaterra.

Outra das diferenças entre o inglês britânico e americano também podem ser encontradas na escrita de “fila” (“line”, em inglês americano e “queue” no britânico), “estacionamento” (“parking lot”, em inglês americano e “car park” no britânico) e “outono” (“fall”, em inglês americano e “autumn” no britânico), além de muitas outras palavras.

Inglês britânico e americano

Mesma palavra, mas grafia diferente

Entre as diferenças entre o inglês britânico e americano está ainda o caso de que muitas palavras podem ser extremamente parecidas, mas possuindo pequenas peculiaridades em sua grafia. Alguns exemplos ocorrem por causa da inserção da vogal “u” no meio da sílabas do inglês britânico, como é o caso de “color”, “odor” e “honor” (que na Inglaterra ficam “colour”, “odour” e “honour”).

Ainda há alguns outros casos bastante parecidos, como no caso de “pijama” (“pajamas”, em inglês americano e “pyjamas” no britânico), em “cheque” (“check”, em inglês americano e “cheque” no britânico) e por aí segue. Nesse caso, a atenção é redobrada na hora de conferir as diferenças entre o inglês britânico e americano.

Diferenças entre o inglês britânico e americano - saiba mais

Diferenças entre o inglês britânico e americano: a diferença no sotaque

Uma das maiores e mais vibrantes diferenças entre o inglês britânico e americano é em relação ao sotaque de cada povo. Mesmo que em cada região de ambos os países as pessoas falem de formas diferentes, existem marcações que americanos e britânicos fazem e que distingue de qual lado do globo a pessoa é.

Um dos exemplos é em relação a letra “r” no final das palavras, que no inglês da Inglaterra passa despercebido na pronuncia, mas que é bem forte entre os estadunidenses. Os britânicos ainda possuem a fala mais fechada, enquanto os americanos falam bem mais abertamente algumas sílabas.

Pesquisar
Artigos Relacionados