Dicas de segurança para Taxistas

links patrocinados

Dicas de segurança para Taxistas

Está cada vez mais comum ligar a televisão, ler e ouvir notícia de assaltos a taxistas em todo o país. A onda de violência no país vem trazendo medo e insegurança para os taxistas. Só em Manaus 10 taxistas são assaltados todos os dias, mas este número pode ser bem maior porque existem taxistas que não registram Boletim de Ocorrência.

Em geral, o modo de atuação dos bandidos é o mesmo. Eles entram no táxi e em seguida simulam o interesse em uma corrida e logo anunciam o assalto. Na maioria dos casos, os assaltos além de prejuízo financeiro, resultam em agressões a estes profissionais.

Dicas de segurança para taxistas – O que fazer em casos de assaltos

Dicas de segurança para Taxistas Confira as Dicas de segurança para Taxistas

Para reduzir a taxa de violência, vale algumas dicas de segurança aos taxistas:
Evite ficar fora do carro com as portas abertas ou destravadas, mesmo estando no ponto.

Faça algumas perguntas antes de deixar o passageiro entrar, como onde ele pretende desembarcar, o nome da rua, pontos de referência e o número da casa ou estabelecimento.

Se tiver rádio frequência, procure avisar a central para o local onde vai e a quantidade de passageiro. Assim, você inibirá os assaltantes.

Nunca pare próximo a becos, terrenos baldios, escadarias e matagais. Procure sempre deixar o passageiro em lugares movimentos.

Saiba as Dicas de segurança para Taxistas

Saiba mais

Salve sempre em seu celular o número que te ligou, colocando ainda o nome do passageiro. Sempre questione onde ele vai pegar o táxi e descer. Quando for pegar algum passageiro, olhe bem no ambiente a sua volta. Se você desconfiar, não volte ou ligue para que o cliente o espere em outro local.

Vale lembrar ainda, que em caso de assalto, o ideal é não reagir. Procure manter-se calmo e não faça movimentos bruscos. Além disso, diga em voz alta tudo que irá fazer para o assaltante, isso fará que ele também mantenha calma e evita tragédias causadas pelo nervosismo.

Taxistas

Segurança de taxistas

A Lei Municipal 1.877/05 garante aos profissionais desta categoria que eles peçam a identificação de passageiro, das 20h às 8h. Se o usuário se negar a apresentar o documento ao taxista, o mesmo tem o direito de recusar a corrida.

Outro decreta possibilita a instalação de um dispositivo luminoso que pode ser acionado pelos taxistas em caso de assaltos. O equipamento, que recebe o nome de luz do pânico, sinaliza o crime para quem está do lado de fora do veículo. Mas, a maioria dos taxistas ainda tem receio em usar este aparelho.

Apesar disso, os assaltos só vem crescendo no país todo. Por isso, a Polícia Militar recomenda que os taxistas não durmam no veículo e que sempre desconfiem.

Dicas de segurança para Taxistas - saiba mais

Assaltos a taxistas

Se você for assaltado, procure a delegacia mais próxima de você e faça um Boletim de Ocorrência. Só assim a Polícia poderá encontrar os culpados e você ainda ajudará para que isso não aconteça mais e para que os índices de violência da sua cidade diminuam.

Pesquisar
Artigos Relacionados