CTB Atualizado

CTB Atualizado

CTB Atualizado

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) designa atribuições a vários órgãos e autoridades vinculados ao trânsito no Brasil. O CTB é baseado na Constituição Brasileira, respeitando a Convenção de Viena e o Acordo do Mercosul e começou a vigorar no ano de 1998. As leis que estão no código servem com a finalidade que todo o trânsito conflua de forma segura e as normas tem de ser seguidas por ciclistas, motoristas e transeuntes, etc.

Necessidade de atualização

O CTB regulamenta o trânsito em vias das cidades e também em rodovias e estradas rurais em todo o território nacional, sendo que ele precisa ser atualizado anulmente para se adaptar as rápidas mudanças que ocorrem, uma vez que trânsito representa movimento, nunca está estático.

Mudança fundamental do CTB Atualizado

CTB 2013

Como já mencionado o CTB precisa ser atualizado de tempos em tempos, assim, uma das principais mudanças no Código que gerou mais discussões e teve repercussão na imprensa brasileira se deu na obrigação de aulas práticas no período noturno para obter a CNH, Carteira Nacional de Habilitação. Para saber sobre as últimas atualizações do CTB é preciso fazer o download do código disponível em várias páginas na internet, basta acessar qualquer site de busca. A consulta do código é recomendada para todos os usuários, a fim de manter-se informados sobre e poder recorrer a multas quando discordarem da penalidade aplicada.

CTB Atualizado em Centro de Formação de Condutores

Os Centros de Formação de Condutores (CFC) é a denominação das antigas auto escolas de direção e são regulamentadas pelo Código de Trânsito Brasileiro e que também, sempre que necessário, sofrem atualizações para melhorar sua forma de funcionamento.

Mudancas no CTB

As escolas são credenciadas pelos Departamentos de Trânsito, os conhecidos Detran, que objetivam a capacitação do cidadão para a condução de veículos automotor. Dessa forma, os CFC aplicam aulas teóricas e práticas para que o cidadão possa obter a Carteira Nacional de Trânsito.

Infrações de trânsito mais comuns

Conforme o Código de Trânsito Brasileiro as infrações de trânsito são separas em quatro categorias: gravíssimas, graves, médias e leves. A cada uma delas se agrega um valor padrão de multa e penalização definidas por pontos da CNH do motorista a ser responsabilizado.

Atribuicoes do CTB

As infrações gravíssimas geram multas altas e sete pontos na CNH. Algumas delas são: avançar o sinal vermelho, transitar no sentido oposto estabelecido, transitar em calçadas, passeios ou passarelas, canteiro central, ilhas, refúgios, marcas de canalização ou acostamento, entre outras.
Nas infrações graves o motorista leva cinco pontos na carteira. Algumas delas são: transitar pela contramão em via de sentido duplo, transitar na pista ou faixa exclusiva, fazer conversões em local proibido, estacionar em fila dupla, etc.

Infrações como parar o veículo sobre a faixa de pedestres no semáforo, parar em área de cruzamento prejudicando o trânsito de outros, transitar em local ou horário não permitidos, autuam quatro pontos na CNH e estas são tidas como infrações médias.

Na categoria de infrações leves, que valem três pontos, estão estacionar afastado da guia de 50 centímetros a um metro, estacionar em desacordo com a regulamentação – tipo Zona Azul, Táxi, etc – ou parar na calçada.

Multas no CTB Transito no Brasil

GD Star Rating
loading...
CTB Atualizado, Nota: 5.0 de 5 com 1 votos
Pesquisar
Artigos Relacionados