Crise financeira – tudo sobre a crise financeira mundial

Crise financeira – Tudo sobre a Crise Financeira Mundial

Quando um lar passa por problemas financeiros, os integrantes desta família precisam apertar os cintos e diminuir os gastos, sendo cortadas despesas supérfluas. As contas são analisadas e refeitas a fim de se entender onde foram feitos os excessos, em quais pontos precisam se controlar e até em quanto tempo as dividas serão sanadas. Depois de vários cálculos e vários acordos, é colocado em pratica um plano familiar de economia.

Quando problemas financeiros são enfrentados pelo mundo todo, é mais ou menos isso que acontece, porém em proporções muito maiores. Todas as pessoas dos países que enfrentam a crise e os visinhos precisam se unir e poupar, a fim de reduzir gastos e pagar as dívidas. Há a organização de projetos que tendem a frear gastos, e existem também empréstimos realizados por outros países a fim de salvar a economia dos países em crise.

Crise economica

Sobre a Crise Financeira Mundial

Uma crise se constitui na quebra dos sistemas financeiros de um país ou de uma instituição, e, sobretudo na crise mundial uma quebra de países desenvolvidos possui muito impacto e é levado em consideração por todos os países do Globo. Uma crise na proporção de mundo afeta todos os países do Globo, inclusive porque para pagar as dividas destes países é necessário um empréstimo que supera todos os empréstimos efetuados pelos paises subdesenvolvidos.

Com uma crise de nível global, empresas precisam ser fechadas e funcionários precisam ser mandados embora, sem contar com a exportação e importação que ficam comprometidas. Não há como manter os lucros e acabam pela necessidade de enxugar as despesas e depender o quanto menos de gastos excessivos. Com isso a população se revolta e greves são incitadas, porque a população não quer ficar sem emprego e nem sem renda durante um período de alimentação escassa.

Crise financeira

Etapas que Desencadeiam uma Crise

Para entender melhor uma crise, foram analisados cinco pontos:

A velha novidade: o que acontece não é uma nova crise, a cada quebra, e sim uma extensão do que já ocorreu no passado. Quando uma crise tem inicio, ela apenas aumenta de proporção com o passar do tempo, havendo maquiagens esporádicas de seus danos e aumentando-os com o passar do tempo.

Endividamento da Europa: os países europeus quando atingem níveis elevados de divida, acabam pedindo ajuda ao Fundo Monetário Internacional e a Zona do Euro. Porém, isso acarreta um maior freio com relação aos gastos, além de demissões em massa, falência de empresas e aumento dos impostos, e isso faz com que a população se revolte e sejam decretadas guerras civis.

Quebra financeira mundial

Estados Unidos em desespero: com uma maior injeção de créditos a empresas para salva-las, o país acaba por se endividar ainda mais e gera divida em cima de divida, perdendo sua autonomia e afetando os paises que dependem dos EUA, isto é, exportadores, importadores e todo o mercado mundial.

Maior fragilidade dos bancos: quem investe em bancos como os da Europa e dos Estados Unidos, passa a correr riscos porque não se sabe ao certo o quanto se perde quando a bolsa não atinge índices satisfatórios.

O mundo para numa crise: quando uma crise de proporção mundial se dá, todos os paises do Globo sofrem seus impactos, inclusive o Brasil, porque embora tenha lucros próprios ainda depende e muito dos paises desenvolvidos.

Crise Global Dinheiro mundial

GD Star Rating
loading...
Crise financeira - tudo sobre a crise financeira mundial, Nota: 4.6 de 5 com 31 votos
Pesquisar
Artigos Relacionados


22 comentários em "Crise financeira – tudo sobre a crise financeira mundial"

  1. agmar 01/03/2009 às 23:41

    Artigo muito bom!

  2. Gilberto Meira 01/03/2009 às 15:50

    Seremos afetados sim, mas nem tanto,a participação do Brasil no mercado internacional é muito pequena. Temos um mercado interno de 200 milhoes de consumidores, temos recursos naturais abundantes,estamos nadando em energia, temos a maior quantidade de terras agricultaveis do mundo,existe muito a ser feito ainda em nosso pais, nosso PIB está chegando acasa dos 2 trilhoes de Dolares, estamos batendo na Espanha e chegando na França, Brasil oitava economia do mundo, é só acreditar que este pais é muito viavel.Os estrangeiros sabem disso e estão de olho no nosso mercado, vamos superar esta crise em seis meses, podem crer.

  3. Leonardo 10/02/2009 às 11:16

    Se a economia mundial ficar concentrada nas mãos de um só pais, com certeza vamos passar por outro acontecimento dessa mesma forma

  4. isabelly 28/01/2009 às 09:53

    gostei muito de ler sobre a crise no mundo todo, pois ainda não tinha me aprofundado no assunto

  5. manasses da silva alves 22/01/2009 às 13:39

    como e quando acabara essa crise finaceira

  6. Amanda 19/01/2009 às 14:31

    Concordo com você Vanderlei, afinal, tudo se agravou nos EUA quando a população parou de gastar não é? Querem que aconteça o mesmo aqui?!

  7. Idailson 14/01/2009 às 18:19

    qual seria a expectativa para o fim desta
    turbulencia financeira mundial?

  8. Vanderlei 06/01/2009 às 10:54

    O Presidente Lula está certo quando diz à população que ela tem que comprar, pois assim não desaquece o mercado interno fortalecendo a nossa economia. Mas é claro que está população não é a classe miserável, e sim a trabalhadora e a elite. Deste modo a economia brasileira se mantém estável e o nosso país se solidifica como uma nação forte em meio a crise, demonstrando assim a nossa soberania na economia mundial.

  9. Micael Bastos do Nascimento 22/12/2008 às 10:11

    Quero saber tudo sobre a crise Mundial

  10. DONI 15/12/2008 às 18:45

    existe algun perigo de o governo limpar as poupanças como ja aconteceu no era collor ?

  11. Nina 12/12/2008 às 11:35

    o que é a crise financeira?

  12. Mayanna 11/12/2008 às 15:49

    E ainda por cima quem paga tudo é o pobre…
    O rico tem o que quer pela gente e quem acaba com tudo isso é os pobres.

  13. Carol 07/12/2008 às 23:50

    Qual a relaçao da crise financeira mundial com a gestao de custos das empresas?

  14. Eduardo J. Ribeiro 18/11/2008 às 09:47

    Mas essa questão com um pouco de atenção e uma boa administração, não há como não resolver, principalmente para um Presidente novo, cheio de ideias. Obama neles. Rsrsrsrs

  15. Marcella 16/11/2008 às 10:26

    A crise financeira vai ser um grande desafio para o novo presidente dos Estados Unidos: Barak Obama, justo no mandato dele isso foi acontecer !

  16. scheila 31/10/2008 às 10:17

    crise mundial….

  17. bruno 29/10/2008 às 23:43

    E ainda mais o presidente Lula falou que os bancos brasileiros consideirados”fortes” estao segurando verba para que os juros aumentem mais e assim se auto beneficiem com as empresas privadas.Mas Lula disse que seriam penalizados os bancos que fizerem isso .Vocês acham que essa penalidade realmente será cumprida?eu acho que nao.

  18. Jessica 27/10/2008 às 22:10

    ah! e sem esquecer do presidente Lula também que fala a mesma coisa para a população ” ñ ter medo de gastar dinheiro” pode um negócio desse?!

  19. Jessica 27/10/2008 às 22:08

    rsrsr gostei muito da sua resposta Sandro.
    rápido e claro. E certíssimo.

  20. Sandro 24/10/2008 às 19:16

    Por que as coisas dos mercados estão tão caras, e mesmo assim os reporteres falam para o povo brasileiro não parrar de comprar.

  21. Bruno dos Santos 20/10/2008 às 19:37

    Por que o Brasil não pode ser a nova potecia mundial?

  22. jaqueline 20/10/2008 às 08:56

    crise financeira