CPAD Manaus

links patrocinados

CPAD Manaus

CPAD Manaus

Sobre a CPAD Manaus

A Casa Publicadora das Assembléias de Deus (CPAD) é a editora oficial que sempre se fez presente nos momentos históricos e decisivos do Movimento Pentecostal do Brasil. Criada como uma empresa sem fins lucrativos em 1930, a CPAD está próxima de completar 71 anos divulgando as realizações de Deus e dos seus seguidores no Brasil e no exterior.

A Casa Publicadora é o resultado dos ideais dos missionários que implantaram a doutrina no Brasil através de livros, lições bíblicas, periódicos, eventos, cursos e da utilização das novas mídias. Aliás, por meio das novas mídias hoje a CPAD está presente também nos Estados Unidos, na Europa, no Japão, na África e também na América Latina.

Objetivos

A missão intransferível da CPAD é proclamar, através de vários meios de comunicação, o evangelho de Jesus Cristo no Brasil e no exterior, além de edificar a igreja por meio de livros e outros recursos de “mass media”.

Além disso, Casa Publicadora das Assembléias de Deus acredita que deve educar a sociedade através da Escola Dominical, já que além de ensinar o CPAD tem como objetivo evangelizar.

Compromisso doutrinário da CPAD

Por ter a Bíblia como única regra de fé e prática, a CPAD exige que toda e qualquer obra publicada por ela não fira a soberania da Bíblia.

Justamente por esse princípio, a editora reserva-se o direito de recusar títulos cujo conteúdo destoe dessa doutrina e que contrarie os bons costumes e a tradição dos fundadores da Casa. Um exemplo de material recusado pela CPAD são livros, revistas ou folhetos que façam apologia aos modismos teológicos ou a filosofia humanista.

Lojas CPAD

O material publicado pela CPAD pode ser comprado em todas as suas lojas, localizadas nas cidades de Bangu (RJ) – que é a matriz de distribuição das lojas, São Paulo, Curitiba, Florianópolis, Niterói, Nova Iguaçu, Belo Horizonte, Brasília, Salvador, São Luís, Recife e Manaus.]

Além disso, a CPAD também possui distribuidoras no Pará, no Mato Grosso, no Ceará, na Flórida (nos Estados Unidos), no Japão e em Lisboa (em Portugal).

Para quem não mora em nenhuma destas localidades, outra opção é comprar qualquer publicação da CPAD através da loja virtual da editora.

 

CPAD Rádio

CPAD Rádio

Sobre a CPAD Rádio

CPAD FM é uma ‘radioevangelista’ do Estado da Paraíba, na região Nordeste do país. Ela é considerada a mais ouvida do estado e a segunda mais executada online na sua categoria, segundo o ranking do Tudo Rádio, considerado um dos principais portais de rádios onlines do Brasil, deixando para trás importantes emissoras como a 93 FM, Melodia, Nossa Rádio, entre tantas outras.

Na Rádio ela está sintonizada na FM 96,1 para todo o Estado da Paraíba. Já na internet é possível executar a rádio através do portal CPAD. Através destes dois veículos de comunicação, o ouvinte cristão terá contato a uma programação diversificada sobre notícias gerais do mundo e totalmente relevantes sua formação religiosa.

Programação da Rádio CPAD

A programação dispõe, além de muita música e pregação, alguns programas com conteúdo especial para professores de Escola Dominical, teólogos e pastores. Assim a própria comunidade cristã poderá ficar a par dos acontecimentos entre àqueles que estudam diariamente a palavra de Deus.

Site da Rádio CPAD

Existe já um projeto para a criação de uma nova página na internet para acesso da Rádio CPAD FM. Esta nova página está sendo pensada especialmente para promover uma interação maior com o ouvinte. A ideia é de que o internauta possa participar ao vivo da programação da Rádio, além de pedir músicas, fazer perguntas, enviar sugestões, tudo para a melhor interação da palavra de Deus.

História da CPAD

A História da CPAD, Casa Publicadora das Assembleias de Deus, começa oficialmente na cidade do Rio de Janeiro no dia 13 de março de 1940. Porém, a ideia começa a surgir no começo da década de 30, quando começa a circular o jornal Mensageiro da Paz (MP). Nas atas da assembleia geral da CGADB, está os primeiros registros da ideia de fundar o que hoje, com 70 anos de fundação, é uma grande realidade.

O então jornal só saiu da confecção quase que amadora depois que o então presidente Getúlio Vargas, no ano de 1940, exigiu que todos os jornais fossem registrados no Departamento de Imprensa e Propaganda. Este órgão tinha a função de regular a imprensa brasileira. Entretanto, somente entidades com personalidade jurídica poderiam possuir jornal. Desta forma, nasceu então no Rio de Janeiro a CPAD, Casa Publicadora das Assembleias de Deus, proprietária do então Mensageiro da Paz.

GD Star Rating
loading...
Pesquisar
Artigos Relacionados