Como tratar a pele extra-seca

links patrocinados

Como tratar a pele extra-seca

A pele caracterizada como muito seca precisa de cuidados especiais, já que tem maiores chances de descamar, rachar e ficar desidratada. Confira as dicas de como tratar a pele extra-seca e melhorar a sua aparência.

Cuidando da pele do rosto

Como tratar a pele extra-seca Conheça como tratar a pele extra-seca

Saber como tratar a pele extra-seca é essencial para quem sente isso em seu rosto, podendo as pessoas ser mais susceptível a criar feridas em épocas de muito calor ou mesmo de ter queimaduras por causa dos fortes raios solares, que nesse caso ainda desfavorece ainda mais quem tem a pele muito branca. Assim, fazer uma hidratação diária é essencial para regenerar seu rosto e evitar esses problemas.

Procure adquirir um creme hidratante para usar na parte da manhã, logo ao se levantar, e outro para passar durante a noite, um pouco antes de dormir, para que a sua pele esteja sempre protegida. Sendo uma dica de como tratar a pele extra-seca, o hidratante para o dia ainda pode ter filtro solar, protegendo duas vezes com somente uma aplicação.

Pele extra-seca

Como tratar a pele extra-seca: corpo

Algumas pessoas ainda possuem partes do corpo, além do rosto, que ficam mais prejudicadas por causa da falta de oleosidade natural, o que se intensifica mais nos tempos secos, seja no calor ou no frio. Prestar mais atenção nos pés, cotovelos, pernas, colo e mãos é importante em como tratar a pele extra-seca.

Passe um creme mais forte nos cotovelos e pés, já que são partes fáceis de racharem e ressecarem, principalmente na área dos calcanhares. Já a parte do pescoço e do colo são frequentemente esquecida na hora de passar o hidratante, sendo que os resultados devem aparecer um pouco mais para frente, assim como nas mãos. Outra dica de como tratar a pele extra-seca é sempre aplicar um creme nas pernas depois do banho, que é quando os poros estão mais abertos.

Tratar a pele extra-seca

Alimentação e outros aspectos

A hidratação que vem de dentro para fora só é mais efetiva quando a pessoa consume seus 2 litros de água, em média, por dia, também sendo indicada a água de coco, os chás e os sucos naturais. Também é importante cuidar da alimentação em como tratar a pele extra-seca, comendo muitas frutas e legumes, que são ricos em água, além de castanha da índia e sementes de uva. Ainda evite banhos muito quentes, que costumam ressecar.

Como tratar a pele extra-seca - saiba mais

Como tratar a pele extra-seca: creme de hidratação caseiro para o rosto e corpo

Quem sente a pele do rosto fina e quer saber mais das dicas de como tratar a pele extra-seca, pode fazer, com a frequência de uma vez por semana, essa máscara facial. Bata no liquidificador um copo de água morna com uma colher (sopa) de aveia (pode ser farinha ou em flocos) e uma xícara de coco ralado.

Passe no rosto, ou ainda em outras partes mais secas do corpo, e deixe agir por cerca de 15 minutos. Sendo uma das recomendações de como tratar a pele extra-seca, enxague com água morna.

Ter pele sempre jovem demanda cuidados

Ter pele sempre jovem demanda cuidados

Usualmente a pessoa só começa a prestar atenção e cuidar da pele do rosto quando os sinais de envelhecimento já estão bem aparentes, sinais, manchas, rugas. Isto dificulta um pouco o tratamento natural e faz com que a demanda por cuidados aumente. Em muitos casos a pessoa quando percebe estes sinais, já se desespera e corre para uma sala de cirurgias.

O que muitas pessoas parecem não saber, ou sabem mas não praticam, é que o uso diário d e hidratantes específicos para cada tipo de pele e protetores solar, com Fator de Proteção no Mínimo de 30, contribuem para que a pele esteja sempre saudável e se mantenha jovem por mais tempo.

Por isto o indicado é que se use estes produtos desde uma idade mais jovem, antes que os sinais comecem a aparecer, isto ira prevenir o envelhecimento precoce e o aparecimento de manchas da pele, além e ajudar a combater câncer de pele, para pessoas que se expõe muito a radiação solar.

Com o passar dos anos é natural que a pele do rosto passe a apresentar sinais do envelhecimento, flacidez, manchas e outros sinais. O rosto possui os chamados Fibroblastos que são os responsáveis pela produção de colágeno. Até os 30 anos eles continuam em perfeito funcionamento, mas depois desta idade eles perdem força e produzem menos colágeno.

Todo o processo é normal na evolução humana, a contração e o relaxamento constante dos músculos faciais fazem com que a pele fique enrugada com o passar dos anos. As conhecidas linhas de expressão podem vir a se tornar rugas com o tempo.

Além da utilização de hidratantes e protetor solar diariamente, manter a pele sempre limpa também é essencial para que ela se mantenha jovem. A flacidez da pele é causado por conta de três tecidos presentes no rosto, os músculos faciais se enfraquecem e os depósitos de gordura da face acabam descendo, puxando toda a pele.

Os tratamentos para a pele podem variar de R$35,00 até R$ 10.000, só que a qualidade destes tratamentos vai variar bastante. Enquanto o Creme de semente de trigo tem duração de 6 a 8 horas, o lifting fácil pode durar até 15 anos. Os tratamentos mais comuns são a Toxina botulínica e o preenchimento.

Pesquisar
Artigos Relacionados