Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio

links patrocinados

Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio

Confira mais informações sobre Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio e o que essa pessoa precisa fazer.

Funções desempenhadas pelo síndico

Antes de sabermos como se tornar síndico de um prédio ou condomínio é preciso saber exatamente qual a função dessa pessoa. O síndico é alguém contratado para resolver diversos tipos de situações problemáticas dentro do prédio ou do condomínio que administra. Ele é o responsável por tomar medidas em relação aos problemas de convivência, moradores que sujam o local ou câmeras estragadas, por exemplo.

Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio Conheça Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio

Mas esse indivíduo também possui a tarefa ainda de fazer convocações para reuniões a serem realizadas, observar se as leis e normas estão sendo cumpridas por residentes e pelo próprio condomínio e ainda ficar de olho na segurança local. As pessoas que querem saber como se tornar síndico de um prédio ou condomínio para se candidatarem ainda necessitam de fazer prestações de contas e cuidar de outros serviços.

Saiba Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio

Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio

Uma informação sobre como se tornar síndico de um prédio ou condomínio é que a pessoa não precisa morar no local para dar conta de todos os serviços que o cargo exige e, tão pouco, precisa ser o dono da construção.

De acordo com a lei, qualquer pessoa pode se candidatar à função, sendo que quando há mais de um candidato ocorre uma votação entre os residentes do prédio. Entretanto, uma recomendação é que a pessoa seja disponível e tenha tempo hábil para se dedicar aos problemas do local. Compartilhar o telefone é uma boa ideia.

Confira Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio

Remuneração do síndico

Na minoria das vezes, não há pagamento para as pessoas que querem saber como se tornar síndico de um prédio ou condomínio e que desempenham todas as funções propostas. Entretanto, cerca de 85% dos locais, de acordo com o Sindiconet, podem acabar oferecendo algum tipo de remuneração ou quantia simbólica, desconto no preço do condomínio ou isenção fiscal, por exemplo.

Vale lembrar também que um prédio ou condomínio sem a presença de um síndico é considerado irregular e é por isso que é importante as pessoas se interessarem pelo cargo. A informação de como se tornar síndico de um prédio ou condomínio deve se tornar disseminada para que haja maior interesse das pessoas em se candidatar nas eleições, sorteios ou rodízios.

Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio - saiba mais

Como se tornar síndico de um prédio ou condomínio: contrato

Quando dentro da localidade ninguém se candidata de livre expressão para ser o síndico, uma empresa ou um síndico de profissão deve ser contratado para desempenhar as tarefas do cargo em questão. Vale lembrar àquelas pessoas que querem saber como se tornar síndico de um prédio ou condomínio que o contrato máximo a ser criado é de 2 anos, mas que pode ser prorrogado.

Entretanto, se dentro desse prazo a pessoa decidir que não quer mais como se tornar síndico de um prédio ou condomínio, basta que ela passe o seu cargo nas mãos de alguma empresa administradora, desde que todos na assembleia aceitem a proposta.

Pesquisar
Artigos Relacionados