Como Fazer Intercâmbio na Nova Zelândia

links patrocinados

Como Fazer Intercâmbio na Nova Zelândia

Como Fazer Intercâmbio na Nova Zelândia

Situada no sudoeste do Oceano Pacífico, a Nova Zelândia é, sem dúvida, um dos lugares mais bonitos do mundo. Não é à toa que o lugar serviu de cenário para a trilogia O Senhor dos Anéis, que possui paisagens de tirar o fôlego.

A Nova Zelândia é, também, muito forte em termos econômicos. O Índice de Desenvolvimento Humano de 2011 classificou a Nova Zelândia como o quinto país mais desenvolvido do mundo. Por isso, o país é muito procurado por intercambistas de todo o mundo. Se você sonha em fazer um intercâmbio na Nova Zelândia, conheça as principais maneiras de concretizar seus planos.

Estudos

Uma das formas de se fazer intercâmbio na Nova Zelândia é para estudar. Seja para fazer um curso de Inglês ou cursar a Universidade, existem diversas opções para quem tem vontade de morar nesta incrível porção do mundo.

Existem, inclusive, sites especializados em intercâmbio para a Nova Zelândia. É o caso do Conexão Nova Zelândia, que traz informações sobre as universidades do país, inclusive com informações sobre os cursos mais procurados por lá.

Trabalho

Trabalhar na Nova Zelândia não é tão simples quanto estudar, mas, se você preencher alguns requisitos, poderá tranquilamente conseguir um emprego no país. Na maioria das vezes os brasileiros aproveitam a ida à Nova Zelândia para estudar e também trabalham.

Entretanto, se este não é o seu caso, mas você possui inglês intermediário, é possível conseguir permissão para trabalhar por lá. A Nova Zelândia, como muitos outros países, possui uma lista de demandas, ou seja, diversas profissões carentes de mão-de-obra. Se você se encaixa numa delas, seu empregador pode provar que você é qualificado e conseguir a permissão de trabalho.

Informe-se

O mais importante, antes de se lançar em um intercâmbio, é reunir o maior número possível de informações sobre o país, como mercado de trabalho e custo de vida. Também é indispensável que seja feito um planejamento financeiro, para que os riscos da viagem sejam minimizados. Além do Conexão Nova Zelândia, que mencionamos, também existem várias outras páginas dedicadas ao assunto, como Information Planet e Nova Zelândia Brasil.

Como Fazer Intercâmbio na Alemanha

Como Fazer Intercâmbio na Alemanha

Como Fazer Intercâmbio na Alemanha

Lar dos povos germânicos em períodos anteriores ao nascimento de Cristo, a Alemanha possui uma incrível riqueza histórica e cultural. Não é à toa que o país é também conhecido também como “A terra dos poetas e pensadores”.

Além da cultura, merece destaque também a economia do país, que é a maior da Europa e uma das maiores do mundo. Apesar da crise econômica que atingiu o mundo em 2009, o país continua sendo muito procurado por estrangeiros que desejam fazer turismo ou intercâmbio. Esta última modalidade é procurada especialmente por estudantes.

Intercâmbio acadêmico

A melhor fonte de informações para quem deseja fazer intertcâmbio para a Alemanha é o DAAD, ou Deutscher Akademischer Austausch Dienst. A entidade se dedica ao intercâmbio acadêmico, que é a principal maneira de se estabelecer temporariamente na Alemanha.

O DAAD coordena projetos de intercâmbio como o Ciência sem Fronteiras, um sistema de graduação sanduíche – em que o aluno faz parte da graduação em seu país de origem, e outra parte no país escolhido para o intercâmbio -, fornece bolsas de Doutorado e realiza diversas outras ações para intercambistas.

Aprender alemão

Outra possibilidade de intercâmbio para a Alemanha, além dos estudos acadêmicos, é ir ao país para aprender o idioma. Se esta é sua intenção, é necessário um conhecimento prévio da língua, pois o interessado deve passar por alguns testes antes de poder viajar para fazer um curso.

Os testes de conhecimento de língua alemã mais comuns são o OnDaF, que é o mais requerido em processos de fornecimento de bolsa de estudos; o Deutsche Welle, realizado online, e o teste do Goethe-Institut, também realizado online, mas focado na gramática e interpretação textual.

Informações adicionais

A Alemanha é signatária do Acordo Schengen, que também engloba países como Dinamarca, Suécia e Suíça. O tratado possui alguma tolerância para quem deseja ficar na Alemanha por menos de 90 dias por semestre, mas é bem rígido para quem deseja extrapolar este prazo. Portanto, se sua intenção é permanecer no país por tempo superior a 90 dias, informe-se junto ao Consulado da Alemanha sobre como obter um visto.

Pesquisar
Artigos Relacionados