Caixa loterias, habitação e FGTS

links patrocinados

Caixa loterias, habitação e FGTS

Caixa loterias, habitação e FGTS

Sobre a Caixa

A Caixa Econômica Federal é uma empresa pública vinculada ao governo federal brasileiro. A instituição comemorou 150 anos de existência em 2011, e tem uma enorme importância na vida financeira de muitos cidadãos do país.

Além de ter todos os serviços e facilidades que um banco comum oferece, como conta, poupança, empréstimos, entre outros, a Caixa Econômica também possui outros serviços, como as loterias – sorte em forma de diversão, programas de habitação – casa própria com mais facilidade, e o FGTS – garantia e segurança para o trabalhador.

Caixa FGTS

O FGTS Caixa, ou Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, é um fundo que protege o trabalhador demitido sem justa causa, servindo como uma reserva de dinheiro. Todos os meses, o patrão deposita uma porcentagem (8%) do salário do trabalhador em uma conta aberta na Caixa, e este dinheiro pode ser utilizado para formar um patrimônio, financiando, por exemplo, a compra de uma habitação popular.

Caixa loterias

As loterias da Caixa são nacionalmente conhecidas, e reúnem milhões de apostadores todos os anos. São dez as modalidades de jogos, sendo algumas delas a Mega-Sena, a Lotogol, Quina e Timemania.

Habitação Caixa

Os programas de habitação também fazem parte do carro-chefe da Caixa na relação com os seus clientes. São dois os principais programas: o habitação popular e o Minha Casa, Minha Vida. Ambos tem parceria com o setor público, e são para famílias que querem adquirir um imóvel mas não tem condições financeiras para comprá-lo de maneira convencional. Para saber mais sobre os programas, consulte o site da Caixa Econômica Federal, ou vá até a unidade mais próxima para conversar com um atendente.

Feirão da Caixa

Feirão da Caixa

Sobre o Feirão da Caixa

A Caixa Econômica Federal é um banco estatal e que cuida de várias ações relativas à economia no Brasil. O programa Feirão da Caixa é um deles.

O que é o Feirão da Caixa

O Feirão da Caixa é um programa de financiamento de imóveis, sejam eles novos, usados, em construção ou apenas na planta (quando há apenas o projeto, mas a construção não começou a ser realizada). O cliente do Feirão da Caixa também pode comprar terrenos ou, se já o possui, conseguir financiamento para a construção naquele terreno.

O Feirão da Caixa está na quinta edição, atende a dez cidades brasileiras e esse ano começou no dia 15 de maio e vai até o dia 21 de junho. Também haverá 62 feiras em outras cidades até o dia 28 de junho, com imóveis que podem ser visitados e o negócio poderá ser concluído.

Imóveis para o Feirão da Caixa

Este ano a Caixa possui mais de 109 mil imóveis para venda. Qualquer um pode visitar o Feirão da Caixa e fechar negócio. Não há limite de renda, o prazo de financiamento é de até 30 anos e as prestações são decrescentes, ou seja, vão diminuindo com o passar dos anos.

Documentação para o Feirão da Caixa

Os documentos necessários para comprar um imóvel são RG, CPF e comprovante de renda. Se for autônomo, você pode levar extratos bancários, boletos de alugueis ou qualquer outro tipo de pagamento que comprove que você possui renda.

Salvador, Uberlândia, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Curitiba, São Paulo e Brasília já tiveram o Feirão da Caixa. Ele ainda passará por Recife e Porto Alegre (5 a 7 de junho) e Fortaleza (19 a 21 de junho).

CMT Caixa

Além de estarem disponíveis para consulta e operações na internet, os Bancos também ingressaram no mundo da tecnologia móvel. Hoje, é possível visualizar a sua conta corrente diretamente do celular. Mas cada banco desenvolve um aplicativo próprios ara realizar o atendimento aos clientes.

A Caixa Econômica Federal utiliza o CMT. Um aplicativo que foi desenvolvido especialmente para o uso nos aparelhos celulares. Ele é considerado bem seguro, entretanto, alguns usuários tem relatado dificuldades para realizar o acesso a sua conta.

Download do CMT Caixa

O CMT da Caixa Econômica Federal pode ser baixado para uso diretamente no site do banco online. O usuário deve fazer a transferência indicada e ainda seguir as instruções para fazer a instalação diretamente no celular.

O arquivo pode ser transferido de maneira gratuita e a instalação não costuma ser complicada. No site da Caixa, é possível acessar o tópico de dúvidas caso alguma coisa de errado ou você tenha dúvidas sobre como fazer o uso do aplicativo e as formas de acesso a conta.

O principal problema enfrentando pelos usuários é não conseguir fazer o uso adequada do aplicativo. Isso pode acontecer porque o celular não suporta a plataforma Java ou ainda precisa e alguma atualização ou ate mesmo que o programa seja instalado. Além disso, o Java pode estar com algumas opções de internet. Então o jeito é realizar a configuração do programa.

Outra dificuldade está no travamento do aplicativo que acontece por falhas durante a troca das chaves. No caso, é necessário que sejam eliminados todos os ruivos temporários da internet e os cookies. Isso deve fazer com que a conta dessa acessada de forma melhor.

Já que usa o CMT na internet, deve estar atendo as configurações de bloqueio de Pop-Up e também as restrições de pacotes de antivírus. No caso, é necessário permitir que o seu computador tenha acesso a conta.

Pesquisar
Artigos Relacionados