BWM Sorocaba

links patrocinados

BWM Sorocaba

BWM Sorocaba

Sobre a BWM Sorocaba

Arrumar um bom lugar para viver ao lado de nossa família é o sonho de muita gente. Se encontrar uma ótima casa também faz parte dos seus sonhos de consumo, você precisa conhecer uma imobiliária que se destaca por oferecer excelentes serviços aos seus clientes.

Sobre a BWM Negócios Imobiliários

A BWM Negócios Imobiliários é uma empresa que atua na cidade de Sorocaba, no interior do estado de São Paulo, e que traz para os moradores do município ótimas opções de serviços imobiliários dos mais variados tipos.

A BWM está no ramo imobiliário há mais de 20 anos e é responsável pela venda e locação de imóveis, sem falar da administração de casas, apartamentos, condomínios e prédios comerciais por toda a cidade de Sorocaba.

Endereço e telefone da BWM Negócios Imobiliários

A unidade de atendimento aos clientes da BWM Negócios Imobiliários está localizada no seguinte endereço: Rua Francisco Prestes Maia, 75, bairro Vergueiro, em Sorocaba, estado de São Paulo. O telefone de atendimento da imobiliária está disponível no número (15) 3211-3000.

Mas aquelas pessoas que estão sem tempo para fazer uma visita a imobiliária BWM e conhecer os imóveis disponíveis tanto para a venda quanto para a locação, não precisam se preocupar. Isso porque a empresa possui uma página na rede mundial de computadores, onde pessoas de qualquer parte do país e do mundo podem fazer consultas e conhecer os imóveis disponíveis na imobiliária.

Para fazer a sua pesquisa no site da BWM Negócios Imobiliários é muito fácil. É só entrar na página da empresa e localizar o link “Busca de Imóveis”. Clicando ali, uma nova página será aberta, com um formulário que deverá preenchido de acordo com as suas preferências, para que a sua busca seja o mais objetiva possível.

Quem não encontrar o imóvel que queria entre os que já estão disponíveis na imobiliária, podem optar por encomendar um imóvel, ou seja, informar quais as características devem ter o imóvel que você procura, como número de quartos, casa ou apartamento e outros dados, e enviar a sua solicitação que a BWM irá procurar o imóvel que você deseja.

 

CVM 400

CVM 400

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) definiu em dezembro de 2003 as regulamentações para as ofertas públicas de distribuição de valores mobiliários, tanto nos mercados primários quanto secundários, a fim de assegurar a proteção dos interesses do público que investe e do mercado de forma geral.

A regulamentação se dará a partir do tratamento equitativo aos ofertados e de requisitos de transparente, ampla e adequada divulgação de informações sobre as ofertas, a companhia emissora, os valores mobiliários ofertados, demais pessoas envolvidas e também sobre o ofertante.

Algumas disposições previstas

A CVM 400 prevê que toda oferta pública de distribuição de valores mobiliários nos mercados primários e secundários devem ser submetidas previamente a registro na Comissão de Valores Mobiliários. Somente alguns bens poderão ser negociados no mercado de balcão ou bolsa de valores.

Os valores mobiliários que poderão ser negociados nas duas formas acima são aqueles distribuídos publicamente através da oferta secundária ou primária registrada na CVM ou então aqueles que não tenham sido subscritos ou distribuídos publicamente. Mas isso só se aplica aos valores mobiliários do mesmo tipo, espécie, classe e série que já estejam admitidos em mercado de balcão ou bolsa de valores.

Além dessas regulamentações, o CVM 400 prevê muitas outras, que podem ser encontradas em documento disponível na internet, no site do Governo Federal. Além dela, estão também as ementas sofridas posteriormente pela instrução. A última mudança aconteceu no começo de 2010. Confira abaixo o que mudou com a nova instrução.

Mudanças na CVM 400

Desde a sua divulgação, a instrução CVM 400 já sofreu diversas modificações. A última aconteceu no ano de 2010, onde entre diversas mudanças, a mais polêmica diz respeito ao período de silêncio. Isso significa que os representantes das ofertas não devem se manifestar durante 60 dias corridos antes do registro do pedido da oferta.

E as mudanças não se limitam aos representantes. Há mudanças também para os investidores, pois agora ficará mais fácil procurar informações sobre a empresa antes da compra das ações. A prospecção teve o seu tamanho reduzido em cerca de 50%, informou a superintendente de Desenvolvimento de Mercado da CVM, Luciana Dias.

Pesquisar
Artigos Relacionados