Planalto Central

links patrocinados

Sobre Planalto Central

Planalto Central

Planalto Central é como é chamado habitual e popularmente o platô que ocupa os estados de Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Tocantins e Mato Grosso do Sul. Freqüentemente o Planalto Central é empregado também para designar a região do Distrito Federal. A região do Planalto Central, compreendida pelos estados citados, é chamada dessa forma pela sua característica aplainada de relevo e por estar bem no centro do Brasil.

O ponto mais alto do Planalto Central

A Chapada dos Veadeiros é o ponto mais alto da região do Planalto Central. Ela foi tombada como Patrimônio Mundial Brasileiro no ano de 2001 pela UNESCO, pela sua importância na região do Planalto Central. A Chapada dos Veadeiros atrai muitos turistas todos os anos, por se tratar de um lugar de extrema beleza e por ser considerado por muitas pessoas como um lugar místico dentro da região do Planalto Central. É um dos principais destinos dos turistas brasileiros e estrangeiros dentro da região do Planalto Central

A vegetação do Planalto Central

O Cerrado é a vegetação característica da região do Planalto Central. Lá a imensidão de espécies lindas da flora é de encher os olhos de qualquer pessoa. Uma dessas espécies maravilhosas da flora que é característica do Planalto Central é o Ypê do Cerrado. Esta espécie é menor do que o Ypê comum que é popularmente conhecido, e além disso, o Ypê do Cerrado tem galhos tortos moldando a sua estrutura. A árvore Aroeira também é muito presente no Planalto Central, assim como as lindas e variadas orquídeas. Essas são dignas de colecionador. Podem ser encontradas com várias cores e formas, uma mais linda do que a outra. Ao todo são mais de 1.500 espécies presentes no Planalto Central e, infelizmente, algumas delas já sofrem riscos de extinção.

As águas no Planalto Central

É na região do Planalto Central que alguns dos maiores e mais importantes rios do Brasil têm origem. Rios como o rio Araguaia e o rio Tocantins que formam juntos a maior bacia hidrográfica pertencente inteiramente no Brasil. Além disso, o Planalto Central abriga ainda uma grande parte dos cursos de água de duas bacias hidrográficas, a bacia da Amazônica e a bacia do São Francisco.

O desenvolvimento e crescimento econômico do Planalto Central

Pelas próprias características, existentes no Planalto Central, quanto ao relevo e ao perfil hidrológico que possui, com abundância de águas, a região apresenta forte potencial hidrelétrico. No Planalto Central mesmo em períodos de estiagem há a capacidade de abastecer uma grande parte da região. Exemplo disso é a hidrelétrica de Tucuruí, no rio Tocantins. Só ela abastece toda a Serra dos Carajás e Albrás. Um grande volume.

Outra riqueza da região e que foi um importante fator para a ocupação do local e o desenvolvimento e crescimento econômico da região foi a construção de Brasília, a Capital Federal. Isso aconteceu na década de 60 e a cidade foi criado no meio do nada. Hoje a cidade de Brasília está entre as maiores metrópoles do Brasil.

Fotos

Confira Fotos sobre Planalto Central:

Imagens Planalto Central Relevo Planalto Central Formações rochosas Planalto Central Ponto mais alto Planalto Central

Pesquisar
Artigos Relacionados