Entenda por que a autoestima interfere na produtividade do trabalho

links patrocinados

Entenda por que a autoestima interfere na produtividade do trabalho

Trabalhar é preciso. Além disso, é uma atividade que exige muito energia física, emocional e principalmente mental. Mas, todos nós sabemos que equilibrar tudo isso não é uma tarefa fácil.

No trabalho lidamos com todo tipo de pessoa, a maioria com personalidades e jeitos totalmente diferentes dos nossos. Um colega sabotador de ideias, um chefe rígido demais, as fofocas, a falta de reconhecimento, os benefícios dados, o salário baixo são alguns dos fatores que podem acabar minando qualquer ambiente de trabalho e consequentemente, acabar com a sua carreira.

Confira mais

Entenda por que a autoestima interfere na produtividade do trabalho Autoestima

Quando isso acontece, a falta de ânimo e a baixa autoestima aparecem. A autoestima reflete diretamente no que acreditamos ser e influência todas as nossas atitudes. Por isso, é fundamental nos conhecermos bem e profundamente.

Em geral, isso significa que você deve ter maturidade e segurança suficientes para acreditar no seu potencial, não temer o julgamento e a opinião dos outros e principalmente, respeitar as suas limitações.
Apesar do caminho para conseguir elevar a autoestima ser longo, podemos dizer que esta não é uma tarefa impossível, basta apenas força de vontade.

Autoestima no trabalho

Afastando a armadilha

Aumentar a autoestima é um trabalho a longo prazo, do tipo de formiguinha. Uma tarefa que, exige primeiramente, uma boa dose de consciência. Uma dica importante para que a sua autoestima não seja abalada é evitar comparações com colegas de trabalho que estejam em cargos acima do seu. Em contrapartida, fazer comparações com colegas que estejam nas mesmas condições e no mesmo nível que o seu pode ser um bom início.

Outra dica importante para não deixar a sua autoestima abalada é cuidar da aparência. Isso é importante, porque se sentir bonita e realizada ajuda no aumento da confiança e da segurança. Deixar a autocrítica de lado ou o excesso dela, e ainda ter um autoconhecimento mais amplo sob si mesmo ajuda no aumento das chances de fazer desaparecer facilmente uma situação desconfortável no ambiente de trabalho.

Produtividade no trabalho

Não detone a produtividade

Podemos dizer que a autoestima está diretamente ligada a produtividade em um ambiente de trabalho. Por isso, se ela for nula ou baixa, a sua carreira pode ser afetada. O primeiro sintoma de que a autoestima de um funcionário está abalada pode ser visto de acordo com a maneira em que ele se relaciona com os colegas e também da forma como se comporta diante das tarefas que devem ser realizadas.

Entenda por que a autoestima interfere na produtividade do trabalho - saiba mais

Como identificar a baixa autoestima

A baixa autoestima no ambiente de trabalho é caracterizada principalmente pelo fato do indivíduo tende a se anular e a se esconder, na maneira que acha que não pode e não consegue dar conta das tarefas e afazeres e pela constante insatisfação com os resultados das atividades que realiza.

Quando esses fatores citados, se somam aos sintomas de tristeza que naturalmente eles provocam, o funcionário começa a ficar descontente e a se sentir pressionado, culminando em uma produtividade muito abaixo da esperada pelos gestores.

Pesquisar
Artigos Relacionados