Ecologia e Biodiversidade

links patrocinados

Ecologia e Biodiversidade

Ecologia e biodiversidade

Todos os temas relacionados com o meio ambiente são uma tendência atual. Estão no centro das discussões em todos os âmbitos: desde as reuniões entre os chefes de Estado até as conversas entre familiares e amigos. Todos parecem estar mais conscientes a respeito da responsabilidade geral de cuidar da natureza. Responsabilidade cujo primeiro passo é o conhecimento, por isso, vamos ver agora algumas informações importantes sobre ecologia e biodiversidade.

O que é Ecologia?

Ecologia, é um segmento dentro da Biologia que se dedica aos estudos das relações estabelecidas entre os seres vivos e entre eles e, principalmente, o ambiente em que vivem, analisando como uma dessas partes pode influenciar a outra. Na década de 1960, os movimentos em prol do meio ambiente começaram a ganhar mais força, e foi nesse momento que o termo se tornou popular.

Dentro da Ecologia existem algumas subdivisões nas seguintes linhas de pesquisa: Autoecologia, Demoecologia, Sinecologia e Macroecologia

Existem também a chamada Ecologia Humana, que como o próprio nome já indica, aborda a relação entre os seres humanos e os ambientes ocupados por eles, levando em conta tanto os aspectos naturais em si, quanto os psicológicos, sociais, culturais e econômicos.

A partir do momento em que o homem interfere na natureza, está modificando os ecossistemas e, por consequência, também exige novos estudos no setor de Ecologia, que avaliam essas mudanças.

Tipos de interações ecológicas

E já que a Ecologia vem estudar a interação entre ser vivo e ambiente, vamos ver agora quais são essas interações e, de uma forma breve, como cada uma delas funciona.

• Relações intraespecíficas harmônicas: são as colônias (indivíduos da mesma espécie que se agrupam com graus de dependência) e as sociedades (indivíduos da mesma espécie que apenas se organizam em grupos).

• Relações intraespecíficas desarmônicas: canibalismo e competições. Mesmo sendo dentro da mesma espécie, algum grupo vai ter certo prejuízo.

• Relações interespecíficas harmônicas: mutualismo (simbiose), comensalismo, inquilinismo e protocooperação.

• Relações interespecíficas desarmônicas: esclavagismo, herbivorismo, parasitismo, predatismo e amensalismo.

Como podemos observar, os seres vivos que compõem um ecossistema podem se relacionar das mais diversas maneiras. As relações harmônicas são aquelas que trazem benefícios para todos os envolvidos, enquanto as desarmônicas prejudicam algum grupo para que o outro possa se favorecer.

O que é biodiversidade?

Biodiversidade é uma palavra extremamente rica de significado, porque é empregada para designar toda a variedade de formas de vida que podem ser encontradas no Planeta Terra, sejam espécies animais ou vegetais.

Ela é subdividida em três níveis:

• Diversidade genética: seres diferentes dentro de uma mesma espécie, por conta da combinação genética de cada um. Não existe um indivíduo que seja exatamente idêntico ao outro.

• Diversidade orgânica: cada espécie é diferente da outra graças ao seu histórico na evolução.

• Diversidade ecológica: espécies iguais e diferentes interagem formando as comunidades, que interagem com o meio ambiente formando os ecossistemas, que se relacionam para formar as paisagens que, por sua vez, dão origem aos biomas.

Ameaças à biodiversidade

A biodiversidade é de extrema importância, tanto para manter a vida dentro dos ecossistemas, quanto no âmbito social, econômico, científico e tantos outros. Mesmo assim, ela é ameaçada constantemente por diversos fatores, como a ocupação humana nos locais de floresta tropical; poluição da água, ar e solo; mudanças climáticas; fragmentação e perda de muitos habitats; exploração excessiva e inconsciente de espécies animais e vegetais e tantos outros.

O cuidado com a biodiversidade é responsabilidade de todos.

Ecologia

O que e Ecologia

Termo Biodiversidade

Estudo da Ecologia Definicao de Biodiversidade

Pesquisar
Artigos Relacionados