Cidadania Italiana

links patrocinados

Cidadania Italiana

Cidadania Italiana

Obter a cidadania de um país europeu é a melhor maneira de viajar para a Europa sem ter que passar por nenhuma vistoria ou então com mais tranquilidade. Entretanto, os estrangeiros que sonham com a cidadania de outro país devem ficar atentos, já que o procedimento não é simples e pode demorar muitos anos, se for feito exclusivamente no Brasil.

Com relação à cidadania italiana, que só pode ser requerida por descendentes de italianos, o processo é bem diferente do que em outros países. Existem limitações e leis que impedem que qualquer descendente de italianos possa garantir a cidadania.

Requerimento da Cidadania Italiana

A cidadania italiana pode ser requerida por descendentes de até quatro gerações de parentesco com italianos. Isso quer dizer que um trisneto de italiano (ou aquela que possui um tataravô italiano) pode exigir a documentação que conceda a cidadania. Entretanto, no caso de filiação, se a ligação de parentesco for sanguínea e por parte de pai (homem), qualquer geração poderá receber a cidadania italiana.

Mas caso a descendência for exclusivamente por parte de mãe (mulher), a documentação para o requerimento da cidadania italiana só será expedida para pessoas que nasceram após o dia 1º de janeiro de 1948. Isso porque antes desta data, a Itália ainda era um reino e a cidadania não era transmitida pelas mulheres, apenas pelos homens.

Como conseguir a cidadania italiana

O processo para conseguir a cidadania italiana não é fácil. A maneira mais rápida é proceder diretamente da Itália o reconhecimento da cidadania italiana. Se tudo for feito no Brasil, o consulado italiano pode demorar mais de 15 anos para conseguir todos os documentos necessários.

Etapas brasileiras para se conseguir a cidadania italiana

Direito propriamente dito à cidadania italiana: esta etapa é simples e consiste ter certeza de que você pode requerer a cidadania italiana, de acordo com as informações acima.

Certidões de registro civil brasileiras e italianas: pesquisar tudo o que conseguir sobre a sua família italiana e conseguir certidões de óbito, nascimento, ou qualquer outro registro civil que comprove que tal parente italiano é o seu descendente

Certidão Negativa de Naturalização (CNN): essa certidão é importante e comprova que o descendente italiano não “abandonou” a naturalidade italiana para se naturalizar brasileiro. Por isso ela tem que ser negativa para poder dar certo.

Análise de todos os documentos reunidos: essa é a etapa mais importante de todo o processo. Caso os dados de certidões brasileiras não tenham as mesmas informações do que as italianas, será preciso fazer uma retificação dos documentos, senão eles não serão aprovados. Para isso será preciso contratar os serviços de um advogado.

Tradução para italiano dos documentos brasileiros: com todos os documentos corretos, será preciso traduzi-los para o italiano para que o andamento continue. A tradução poderá ser feita somente por tradutores juramentados no consulado italiano.

Legalização de todos os documentos: por fim, a última etapa é requerer junto ao Consulado Italiano a averiguação de todos os documentos e dar entrada ao processo.

Fotos

Confira Fotos da Cidadania Italiana:

Cidadania italianaCidadania italiana
A Itália é um dos países da EuropaA Itália é um dos países da Europa
Brasileiros podem esperar anos para conseguir cidadania italianaBrasileiros podem esperar anos para conseguir cidadania italiana

Pesquisar
Artigos Relacionados