Zoológico SP

links patrocinados

Zoológico SP

Zoológico de São Paulo

O zoológico de São Paulo, localizado em uma área de mais de novecentos mil metros quadrados de mata atlântica, começou a ser construído em 1957, sendo inaugurado no ano seguinte. No início, ficaram abrigados no local cerca de quinhentos animais, entre mamíferos e aves. Primeiramente, alguns animais levados para o zoológico foram comprados de um circo e outros foram adquiridos na região norte do país.

No primeiro ano de funcionamento, os visitantes não pagavam nada para visitar o local. Em 1959, quando a Fundação Zoológico de São Paulo passou a administrar o espaço, o ingresso passou a ser cobrado.

A fundação tem por objetivo manter os animais no zoo para promover a educação e diversão do público, realizar pesquisas na área biológica e contribuir para a preservação do meio ambiente, evitando o desaparecimento de espécies ameaças de extinção.

Atualmente o zoológico paulista abriga cerca de três mil animais, incluindo mamíferos, répteis, invertebrados, anfíbios e aves. No local, além de extensa área verde coexistem também nascentes do riacho do Ipiranga.

Animais do zoológico

Zoológico

Quem visita o zoológico de São Paulo pode conhecer de perto mais de três mil animais. Além de espécies raras, também vivem no local exemplares da mata atlântica.

Entre os mamíferos abrigados no espaço estão antas, camelos, girafas, leões e leões marinhos, jaguatiricas, elefantes, chimpanzés, lontras, lobos europeus e guarás, dromedários, macacos, micos-leões-dourados, onças, rinocerontes, quatis, tamanduás, tigres, ursos e zebras.

Dentre os répteis destacam-se a cobra de duas cabeças, a iguana sinimbu, o tigre d’água, o tracajá, o teiú, a jiboia, o jacaré de papo amarelo, a briba, o gavial da Malásia, a tartaruga do Amazonas, a lagartixa-leopardo, o jabuti piranga, o cágado cabeçudo, a sucuri amarela e o sururucu do Pantanal.

A área das aves é ocupada por aves migratórias, avestruzes, araras, emas, corujas, flamingos, gansos, gaviões, guarás, papagaios, pelicanos, tucanos, urubus e harpias, entre várias outras.

São Paulo

Apenas três anfíbios vivem no local, sendo o sapo garimpeiro, o sapo cururu e o sapo de chifre. Poucas também são as espécies de invertebrados: aranha garanguejeira, bicho-pau e formiga gigante.

Ao andar pelas trilhas do zoológico também é possível avistar espécies nativas da mata atlântica, como o bugio, o gambá, o tatu-galinha e o tucano de bico verde.

Ingressos e horário de funcionamento

O ingresso do zoológico custa R$18, sendo que idosos, professores e estudantes pagam a metade do valor e crianças menores de doze anos pagam R$7. Para os deficientes o ingresso é gratuito.

Animais do Zoológico de São Paulo

O zoológico abre todos os dias, com exceção de segunda-feira e funciona das nove da manhã às cinco da tarde.

Visitas

Não é preciso agendar para visitar o local, exceto se o visitante quiser a companhia de um guia. O zoológico oferece o diferenciado passeio noturno, que permite que os visitantes se sintam como se estivessem em plena floresta, conferindo de perto os hábitos de espécies noturnas.

Além disso, os visitantes também assistem a um treinamento de aves de rapina e podem ficar a poucos metros de distância de gambás, morcegos e corujas, que passeiam livremente pelo local.

Custa para entrar no Zoológico de São Paulo Zoológico sp

Pesquisar
Artigos Relacionados