Umbanda: origem, história e características

links patrocinados

Umbanda: origem, história e características

A Umbanda é uma religião de origem africana cultuada, primeiramente, pelos negros escravos que reverenciavam orixás através do sincretismo de santos católicos, as incorporações são ápice dos encontros de umbanda, estas podem ser, tanto incorporações de orixás, quanto de ancestrais (babalaôs, yalorixás, babalorixás, dentre outros membros antigos das senzalas), a umbanda teve um papel muito importante de alívio aos escravos presos em cativeiros, pois esta, refortava os mais necessitados, tanto na falta de elementos materiais, quanto espirituais.

Os terreiros legais começaram a ser construídos apenas após a abolição da escravatura e com muita insistência, pois esta religião era vista como religião de escravo, sendo portanto, deixada de lado e julgada pelos brancos livres.

Confira mais

Umbanda: origem, história e características Umbanda

Um dos maiores ícones, que acabou adotando um conceito errôneo, é a macumba, na realidade, a macumba é um instrumento utilizado durante as giras – como o sino para algumas religiões cristãs – quando as giras eram realizadas ainda nas beiras das praias, os negros tinham o costume de soltar a seguinte expressão “Vamos bater macumba na praia”, a partir da popularização deste termo, as giras passaram a ser chamadas de macumbas e, após o deterioramento da Umbanda, tanto por parte de outras igrejas, tanto pelo próprio Governo, as macumbas tornaram-se sinônimo de simpatias maléficas, onde, normalmente se faz uso de galinhas mortas e elementos macabros como velas, partes de roupas cortadas e flores velhas.

Umbanda: origem

Tipos de Umbanda

Existem cinco variações da umbanda:

– Umbanda Iniciática: esta é a Umbanda derivada do Mestre Rivas Neto, onde a busca pela convergência dos sete ritos é o ponto chave, a Umbanda Iniciática tem muitos elementos que fazem alusões a termos e elementos orientais, como os mantos indianos e a utilização do sânscrito.

– Umbanda Esotérica: esta é a Umbanda derivada do Mestre Oliveira Magno, do Mestre Emanuel Zespo e do Mestre W.W da Matta, ela tem como princípio o conjunto de leis divinas.
– Umbanda Traçada ou Umbandomblé: mescla o Camdomblé com a Umbanda.

– Omolokô: esta é a Umbanda com maiores características africanas, criada por Tancredo da Silva Pinto, a Omolokô é marcada pelos cultos Orixás direcionados aos Guias.
– Umbanda Branca ou de Mesa: esta é a Umbanda que compila menos elementos africanos, não há Orixás africanos, Exus ou Pombagiras, elementos como fumo, atabaques e bebidas são tulizados no lugar destes, livros espíritas fazer parte da sua doutrina.

Umbanda: origem, história

Rituais da Umbanda

Alguns rituais são característicos da Umbanda, como por exemplo: Ritual do Centro Pai Kachambí, que é o ritual de entrada, Rituais de Pontos Cantados, Ogam, Pontos Riscados, Velas, Água Fluídas, Uniforme Branco, Pés Descalços, Fumo e Cachaça, Guias e Colares, Banhos e Defumação, cada um destes elementos detém uma importância dentro da religião, sendo determinados de acordo com o tipo de Umbanda.

Umbanda:  história e características

Banhos

Os banhos são, dentre todos os rituais da Umbanda, aquele que mais está presente na vida das pessoas de outras religiões, exite o banho de descarrego, que esvai a força negativa grudada na pessoa, o banho de energização, que atua diretamente no emocional e no espiritual do banhado, no banho de sal grosso, que serve como descarrego, dentre outros que atuam em trabalhos específicos.

Pesquisar
Artigos Relacionados