Pet Terapia: animais que ajudam no tratamento de doenças

links patrocinados

Pet Terapia: animais que ajudam no tratamento de doenças

Dizem que os cachorros são os melhores amigos do homem, mas a expressão, na alegria ou na tristeza, na saúde ou na doença, utilizada em casamentos, também se encaixa perfeitamente quando o assunto é a fidelidade dos animais de estimação em geral, sejam eles gatos, cachorros, peixes ou pássaros. Por isso, é correto dizer que nos dias de hoje, cada vez mais, os animais de estimação estão colaborando para a recuperação de pacientes com os mais diversos e variados casos clínicos.

A Terapia Assistida por animais, também conhecida pelo nome Pet Terapia e pela sigla TAA, é basicamente um tratamento onde o animal de estimação age como um terapeuta e ajuda para que o paciente consiga atingir os objetivos do tratamento proposto.

Pet Terapia: como funciona?

Pet Terapia: animais que ajudam no tratamento de doenças Conheça os Pet Terapia: animais que ajudam no tratamento de doenças

Desde 2009, o Hospital Israelita Albert Einstein, um dos mais importantes hospitais da cidade e do estado de São Paulo, permite a entrada de animais de estimação, desde que é claro, o médico responsável pelo paciente autorize.

Isso aconteceu porque sempre pacientes e seus familiares cogitavam essa solicitação. Depois de estudos realizados que comprovavam a eficiência desse tipo de tratamento – Pet Terapia, o hospital resolveu liberar a entrada dos bichos de estimação, até mesmo pela demanda que existia e pelo encurtamento da permanência de pacientes no hospital que a técnica oferece.

Vale ressaltar que hoje em dia também existem diversas Organizações Não Governamentais e instituições que trabalham levando animais até hospitais, escolas e até mesmo em centros de recuperações. Nesses casos, o animal terapeuta utilizado na Pet Terapia pode ser o do próprio paciente.

Pet Terapia

Qual o animal certo para a Pet Terapia

Pode-se dizer que nem todo bichinho de estimação nasce para ser um animal terapeuta. Isso porque na Pet Terapia, o animalzinho precisar ter uma personalidade dócil e tranquila, onde seja possível que os pacientes abracem, apertem e beijem sem risco algum de levar uma mordida inesperada.

Os animais mais utilizados na Pet Terapia são os cavalos e os cães, por justamente apresentarem um temperamento mais tranquilo e por serem mais dóceis. Vale ressaltar que os coelhos, os gatos, os peixes, os jabutis podem e também são muito utilizados na Pet Terapia.

Quando o animal já pertence ao paciente, fica bem mais fácil realizar o tratamento. Um profissional especializado em Terapia Assistida por Animais pode ajudar a realizar este procedimento na própria residência do paciente, transformando dor e sofrimento em momentos constantes de felicidade.

Animais que ajudam no tratamento de doenças

Animais que curam

Os benefícios de utilizar animais de estimação em tratamentos de saúde já são observados há algum tempo. No Brasil, o primeiro registro que se tem da Pet Terapia foi feito em 1955 pela psiquiatra Nise da Silveira, que relatou a interação de animais com os pacientes esquizofrênicos na instituição em que trabalhava.

Pet Terapia: animais que ajudam no tratamento de doenças - saiba mais

Confira mais

Qualquer paciente, seja qual for o quadro clínico, pode ser beneficiado pela Pet Terapia, desde que não haja nenhum tipo de contraindicação, como alergias, medo de animais ou então problemas de respiração.

Pesquisar
Artigos Relacionados